Mídias Sociais

Esporte

Ramon fala sobre sua estreia como técnico do Vasco

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

A vitória por 3 a 1 diante do Macaé no último domingo em São Januário marcou a estreia do técnico Ramon a frente do Vasco. O atacante German Cano foi o grande nome da partida, ao anotar três gols e comandar o time diante do Alvianil Praiano. O resultado manteve o Cruz-Maltino na briga por uma das vagas na semifinal da Taça Rio.

"Fiquei muito feliz pelo resultado. Sei da responsabilidade, sempre falei isso. Falei no vestiário que a vitória foi deles. Foi muito pouco tempo de trabalho. Futebol é construção. O entendimento de ideia, tiveram mudança de comportamento interessante. Tem que ter os pés no chão, mas saio satisfeito. Mais vontade de seguir trabalhando e fazer o time crescer", disse Ramon na coletiva de imprensa logo após a partida.

A estreia foi como uma viagem no tempo para o treinador, que já defendeu muitas vezes a camisa do Vasco e levantou muitos títulos em seus tempos como jogador.

"Na palestra falei para os jogadores que há 24 anos eu estava sentado como eles estavam agora, chegando aqui no Vasco como atleta. O sentimento é o mesmo, de ansiedade e friozinho na barriga. Quem sente isso é quem vive no futebol. E isso é bom. Foi isso que passei para eles. Saio satisfeito pelo que fizemos em campo, sabemos que temos de melhorar muito e trabalhar bastante, mas a compra da ideia já se percebe e a mudança de comportamento. Então a tendência é a gente evoluir, crescer e dar alegrias ao torcedor do Vasco, que é o mais importante. Vestir a camisa como o torcedor do Vasco espera", complementou o treinador.

Com os resultados da rodada, o Vasco se manteve na briga. O time agora precisa vencer o Madureira em São Januário na próxima quinta-feira (2). Além disso, o Cruz-Maltino ainda terá que torcer por um tropeço do Volta Redonda, que pega o já eliminado Resende no mesmo dia no Maracanã.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana