Mídias Sociais

Esporte

Ramon demonstra humildade e prega pés no chão após o Vasco assumir liderança do Brasileiro

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Líder do Campeonato Brasileiro, o Vasco vem se provando a cada rodada. Após a vitória sobre o Ceará, o time comandado pelo técnico Ramon Menezes alcançou o topo da tabela, algo inimaginável meses atrás, onde o time oscilava bastante e não conseguia apresentar um bom futebol. No próximo domingo (23), a equipe terá mais um grande desafio, já que recebe o Grêmio, às 16 horas, em São Januário.

O Vasco subiu bastante de produção desde a chegada de Ramon. O treinador vem conseguindo extrair um bom futebol da equipe. Além de uma defesa bastante sólida - só sofreu um gol em três jogos -, o Cruz-Maltino está conseguindo ser bastante efetivo também na parte ofensiva. Foram sete gols até aqui, tendo hoje o melhor ataque ao lado de Atlético-MG e Internacional.

Em mais uma demonstração de humildade, Ramon atribuiu o acesso do time no Brasileiro aos jogadores. "Tudo se resume ao trabalho. A minha função é de tentar mostrar o caminho, mas a execução é dos atletas, eles é que entram em campo e estão executando da melhor maneira possível. Houve uma mudança de comportamento, que não é fácil. Agradeço muito aos jogadores. O fruto desse trabalho é da dedicação deles. O time está jogando com a cara do Vasco, com entrega, entregando a alma em alguns jogos", afirmou o treinador.

Mas apesar da euforia da torcida com o bom momento da equipe, Ramon mantém os pés no chão. O treinador sabe que o Brasileiro é uma competição bastante longa e que sempre premia o time que teve mais regularidade ao longo das 38 rodadas. Até o encerramento do torneio, muita coisa pode acontecer.

"É o começo de um campeonato muito difícil. A cada jogo você aprende lições. Nesses três jogos não conseguimos manter a mesma escalação. Assim será a competição, com jogos quarta e domingo. Temos que ter a força do grupo. E todos entenderam isso. E tenho certeza que o torcedor também está super contente. Humildade sempre e pés no chão. O campeonato só está começando", enfatizou Ramon.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana