Mídias Sociais

Esporte

Presidente do Fluminense admite aumentar a folha com disputa da Libertadores

Publicado

em

 

O Fluminense foi uma das gratas surpresas do Campeonato Brasileiro. O Tricolor das Laranjeiras encerrou sua participação com o quinto lugar. Apesar de uma certa frustração por não ter conquistado a vaga na fase de grupos da Libertadores, o Tricolor das Laranjeiras comemorou bastante o retorno à principal competição do continente.

A volta a Libertadores fez o presidente Mário Bittencourt projetar um aumento na folha salarial do clube. Em entrevista coletiva, o mandatário afirmou que pretende buscar reforços, o que deve aumentar a folha de pagamento em 25% e 30%. O objetivo é ter um elenco mais qualificado para poder brigar em um torneio onde naturalmente o investimento é muito maior.

"Com relação a contratações, a gente tenta manter o máximo de sigilo. Tem uma nova comissão técnica chegando, e o Paulo está discutindo nomes com ela. O Paulo é o profissional contratado, diretor executivo, é ele junto do chefe de scout do clube, da preparação física, da fisiologia, dos auxiliares técnicos. São eles que discutem nomes dentro do orçamento que a gente entrega. A gente anunciou ao longo do ano um reajuste de folha de 20%. Com a classificação para a Libertadores, por causa das premiações, vamos tentar um pouquinho a mais, talvez uns 25% ou 30%. Dentro desse orçamento, eles vão trabalhar e apresentar os nomes. A presidência do clube aprova do ponto de vista financeiro", afirmou o dirigente.

O Fluminense voltará a disputar a Libertadores após oito anos. O time será comandado por Roger Machado, que fechou recentemente um contrato de dois anos com o clube. O Tricolor agora aguarda a definição da Copa do Brasil para saber se disputará a Libertadores diretamente da fase de grupos ou se pela fase preliminar.

Para entrar diretamente na fase de grupos, o Fluminense precisará torcer para que o Palmeiras conquiste o título da Copa do Brasil. Como atual campeão da Libertadores, o Verdão já está garantido na fase principal da competição. Conquistando também a Copa do Brasil, o time paulista abre mais uma vaga para a fase principal no Brasileiro, que seria herdada pelo Fluminense.

Caso o Grêmio seja o campeão da Copa do Brasil, o Fluminense faria sua estreia na Libertadores na segunda etapa preliminar da competição, diante do Ayacucho, do Peru, nos dias 9 e 16 de março.

Foto: Lucas Merçon

Mais lidas da semana