Mídias Sociais

Esporte

Paralisação e quarentena são novos obstáculos ao Flamengo em negociação com Jesus

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Flamengo ganhou novos obstáculos em suas negociações com Jorge Jesus. O Rubro-Negro vem tentando a renovação de contrato do técnico, mas a pandemia do coronavírus e o regime de quarentena prejudicaram a andamento das conversas. A paralisação do futebol também não foi benéfica ao clube carioca, que agora aguarda as coisas se resolverem para voltar a se reunir com o treinador.

Um dos fatores que dificultam as negociações é que Jorge Jesus testou positivo para o coronavírus em seu primeiro teste realizado. Por conta disso, o treinador está de quarentena em seu apartamento no Rio, isolado dos demais companheiros de clube. Outro fator importante é que por conta do vírus as viagens, principalmente as internacionais, estão sendo realizadas em uma escala muito menor, o que dificulta encontros entre os representantes do treinador em Portugal e os dirigentes brasileiros.

E esses fatores ainda não são o principal empecilho que vem emperrando as conversas. O principal entrave é financeiro. Atualmente é grande a diferença entre o que pede o treinador e o que o Flamengo pretende pagar. Outro fator fundamental é a desvalorização do real principalmente em comparação ao euro. A moeda fechou a última terça-feira valendo R$ 5,51.

Atualmente, a gestão da carreira de Jorge Jesus está nas mãos do português Bruno Macedo e os empresários Giuliano e Lucca Bertolucci. O contrato do treinador com o Flamengo se encerra no fim de maio. Exatamente por isso, o Flamengo quer a renovação do vínculo o quanto antes, já prevendo também o interesse de outras equipes.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana