Mídias Sociais

Esporte

Organizadas do Botafogo vão ao clube cobrar mais empenho dos jogadores

Publicado

em

 

O Botafogo vive um de seus piores momentos na temporada. Na vice-lanterna do Campeonato Brasileiro, o Alvinegro convive com enorme pressão, dentro e fora das quatro linhas. Nesta quinta-feira, algumas das organizadas do clube companhecerem a sede do time no Rio de Janeiro para uma reunião com o gerente de futebol Túlio Lustosa.

O encontro durou cerca de 1h30 e foi em tom de cobrança. Os torcedores pediram mais empenho dos jogadores e também cobraram explicações sobre detalhes internos do clube, entre eles o caso de Honda, que deu fortes declarações na última semana ameaçando deixar o Alvinegro. Apesar das cobranças, o encontro foi pacífico, sem nenhum tipo de violência.

Em contrapartida, as organizadas prometeram apoiar o time até o fim do Brasileiro. E isso será demonstrado já na partida deste sábado no clássico contra o Flamengo. Os torcedores irão colocar faixas de apoio aos atletas. Mas ainda assim, eles "exigem" uma reação dentro de campo já nesta rodada, como uma mudança de postura dos atletas e mais dedicação.

O Botafogo vem de quatro derrotas seguidas e não consegue reagir no Campeonato Brasileiro. Tentando dar um choque no elenco, a diretoria optou por demitir Ramón Díaz e anunciou o retorno de Eduardo Barroca. O treinador chega para sua segunda passagem no Alvinegro, com a missão de recuperar o time e evitar o rebaixamento para a Série B.

Foto: Vitor Silva

Mais lidas da semana