Mídias Sociais

Esporte

Obina e Ronaldo Angelim revelam bastidores da eliminação do Flamengo contra o América do México

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

A eliminação do Flamengo diante do América do México pela Libertadores em pleno Maracanã é algo que ficou na história. Após vencer por 4 a 2 no jogo de ida, o Rubro-Negro acabou derrotado por 3 a 0 em casa e se despediu da competição de forma melancólica. Cerca de 11 anos após aquela partida, jogadores como Ronaldo Angelim e Obina revelaram que Joel Santana não sabia que o 2 a 0 classificava a equipe carioca.

A revelação foi feita durante uma entrevista ao canal "Paparazzo Rubro-Negro". "Nós fizemos tudo errado, teríamos que ser eliminados. Tanto que Joel não sabia que 2 a 0 dava a gente, ele acabou fazendo a substituição e colocou o time mais para a frente. Ele achava que dois (2 a 0) estava eliminando a gente, e não estava. Nós fizemos quatro gols fora de casa e avançaríamos no critério de desempate. Depois ele veio a entender que 2 a 0 dava a gente", revelou Angelim.

Assim como Ronaldo Angelim, o atacante Obina também criticou a preparação para aquela partida. "Chegamos atrasados no estádio, cara. Tudo errado, quem aqueceu mais foi quem ficou no banco. Não tinha foco, para minha aquilo lá era uma decisão. O oba-oba foi depois do (título) carioca", desabafou o hoje ex-jogador.

A partida ficou marcada também pelos três gols do Cabañas, o atacante Gordinho, mas que mostrou ter faro de gol e acabou sendo decisivo no Maracanã.

"Ainda bem que teve 2009 para a gente dar uma amenizada, não vamos dizer que aliviou essa derrota. Mas eu tive que fazer até uns trabalhos de psicologia, porque eu fiquei um tempo ruim, sem conseguir dormir, às vezes eu sonhava com o jogo, que ainda estava jogando aquele jogo, eu não acreditava que nós tínhamos sido eliminados", afirmou Angelim.

Foto: divulgação

Mais lidas da semana