Mídias Sociais

Esporte

No reencontro com o Juquinha, Macaé Basquete perde para o Flamengo pelo Carioca

Avatar

Publicado

em

 

O Macaé reencontrou a sua torcida na noite desta quinta-feira, dia 06. Após meses sem atuar no Juquinha, o Alvianil Praiano matou a saudade do seu torcedor. O público presente no ginásio até que empurrou, fez o seu papel nas arquibancadas. Mas dentro das quatro linhas, prevaleceu o favoritismo do Flamengo, que venceu por 91 a 71.

O Macaé começou bem a partida. Aproveitando o fato de jogar ao lado de sua torcida, o Alvianil Praiano preencheu os espaços e tratou de pressionar o adversário. Em contrapartida, o Flamengo tentou pressionar, mas não conseguiu muito êxito. Melhor para os donos da casa, que venceram o período por 23 a 14.

No segundo período, o Macaé seguiu marcando forte. Liderado por Schneider – atleta teve atuação de destaque na partida -, o Alvianil Praiano conseguiu controlar momentaneamente o Flamengo e com isso abrir vantagem no placar. O jogo seguiu bastante equilibrado, mas o Leão desceu para o intervalo vencendo por 42 a 39.

Vendo o adversário abrir vantagem, o Flamengo acordou no terceiro período. O Rubro-Negro acertou sua marcação e passou a pressionar os donos da casa. O visitante mostrou a sua força e também o motivo pelo qual é o maior campeão nacional. Com um tempo quase que impecável, o Fla não só conseguiu reverter a vantagem do rival como também passou a frente, com 66 a 54.

No último quarto o Macaé foi para o tudo ou nada. Com uma excelente vantagem em mãos, o Flamengo cadenciou o jogo e administrou o resultado. O que não significa que o time abdicou da partida, pelo contrário. O Rubro-Negro seguiu imprimindo um ritmo forte e fechou conseguiu impor uma vitória por 20 pontos de diferença, fechando com 91 a 71.

Sérgio Barcellos

Foto: Raphael Bózeo

Mais lidas da semana