Mídias Sociais

Esporte

Meta do Flamengo é dobrar arrecadação com patrocínio master

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Na semana passada vazou a informação de que o Flamengo está negociando um contrato de patrocínio com a gigante Amazon. A empresa americana viria para ocupar o lugar do Banco BS2, hoje dono do patrocínio master da camisa Rubro-Negro. Com o passar dos dias, novas informações vão surgindo sobre as negociações. Uma delas é que o Fla quer dobrar o valor que vinha recebendo até então pelo master.

O Banco BS2 pagava R$ 19 milhões já com reajustes para ocupar o espaço mais valioso da camisa do Flamengo. Agora negociando com a Amazon, as informações que surgem é que o Rubro-Negro tem como meta arrecadar o dobro dessa quantia, ou seja, algo em torno de 38 milhões, o que representaria um ganho substancial no âmbito financeiro.

O interesse da Amazon surgiu em dezembro de 2019. De lá para cá, as partes deram início as conversas, mas ainda não chegaram a um desfecho. Existem pontos a serem acertados para o acordo saia no papel. Quando tudo for acertado, o acordo terá que ser levado para aprovação no Conselho Deliberativo, como é determinado pelas regras do clube.

O Flamengo enxerga uma grande possibilidade de mercado fechar com a Amazon. Além do retorno financeiro, a parceria poderia abrir um grande leque de opções para o clube explorar a sua marca também internacionalmente. Por conta dos altos valores envolvidos, a negociação vem sendo tratada com muito cuidade de ambos os lados.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana