Mídias Sociais

Esporte

Luxemburgo lamenta gol sofrido no fim pelo Vasco em empate com o Avaí

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Mesmo sem grande brilho, o Vasco ia conquistando a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro na estreia do técnico Vanderlei Luxemburgo. A equipe vencia o Avaí em São Januário até os 48 minutos da etapa final, quando o time visitante chegou ao empate com gol de Daniel Amorim. O resultado foi péssimo para o Cruz-Maltino, que fechou mais uma rodada na lanterna do Campeonato Brasileiro.

O gol sofrido já no apagar das luzes causou irritação na torcida, que protestou contra o time ao fim do jogo. Quem também ficou irritado foi o técnico Vanderlei Luxemburgo, estreante da noite.

“No futebol tem de ser malandro. Malandro no bom sentido. Tem de furar a bola. Não é proibido fazer a falta. A falta existe dentro do jogo. Ela existe. É algo que você pode usar no fim do jogo. Ela existe”, disse o treinador ao se referir a estratégia como uma forma de manter o adversário longe da área nos minutos finais.

O treinador também fez uma análise geral sobre a atuação da equipe. “O primeiro tempo não foi como a gente imaginava. Eles tiveram uma supremacia. Criamos muito pouco. Empataram no finzinho. Esse que é o problema. No fim, não tem mais jogo. Tem de aprender a ganhar o jogo. Tem de fazer uma falta, a bola não sai. Matar a jogada. Aconteceram coisas boas. A equipe buscou, lutou. Tem muito trabalho pela frente. A coisa não vai ser tão fácil. Vamos ajeitando a equipe. Vamos trabalhar”, encerrou Luxemburgo.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana