Mídias Sociais

Esporte

Luxemburgo comemora vitória no clássico e cita confiança renovada dos jogadores

Publicado

em

 

O Vasco subiu bastante de produção após a chegada de Vanderlei Luxemburgo. Como uma nova postura em campo, o Cruz-Maltino conseguiu somar quatro pontos nas duas últimas rodadas e saiu da temida zona de rebaixamento. A primeira vitória do treinador em seu retorno ao clube foi conquistada no último domingo, nos 3 a 0 sobre o Botafogo.

A vitória no clássico fez o Vasco chegar aos 32 pontos ganhos. O Cruz-Maltino saiu da 17ª posição e agora é o 15º colocado na classificação geral. Os resultados deram um pouco mais de tranquilidade ao clube e a torcida. Após a partida, Luxemburgo citou sua preleção lembrando uma vitória do Vasco no mesmo clássico em 1976, com direito a golaço de Roberto Dinamite.

"Foi uma vitória contra um adversário que tem tradição, e rivalidade é muito grande, essa coisa vem de longo tempo. Um dos gols mais bonitos da história de Vasco da Gama x Botafogo vem do Dinamite, o maior jogador da história do Vasco da Gama, é num jogo em que o Roberto dá um chapéu no Osmar Guarnelli. Citei isso na preleção hoje. Para ganhar, tem que ralar e suar. Encontramos um adversário difícil, centroavante com a bola aérea muito forte. Encaixamos e passamos a ter a superioridade. Era adversário de confronto direto, jogo de seis pontos", vibrou Luxa.

O treinador falou também sobre o voto de confiança dado ao elenco. "Você com a confiança lá embaixo não consegue produzir, tenho dito para eles que eles têm talentos para estar no Vasco da Gama. Tem que ter leveza, alegria. Talles, você tirou um jogador do Fortaleza porque você deu lambreta, e ele te deu um chute na cabeça. A confiança é fundamental num atleta. O elenco está á disposição do treinador", encerrou Luxemburgo.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana