Mídias Sociais

Esporte

Jovens ganham menos chances no Fluminense de Oswaldo

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Fluminense é conhecido por ter uma base forte e por sempre revelar jovens talentos. E esse ano não foi diferente. Um dos exemplos de sucesso é João Pedro, cria da base e que hoje é titular absoluto no time principal. Só que desde a chegada de Oswaldo de Oliveira, os garotos estão ganhando menos chances. O treinador vem preferindo dar mais oportunidades aos jogadores mais experientes.

Se João Pedro está em alto e constantemente marca presença no time, o mesmo não se pode afirmar sobre Marcos Paulo e Miguel, jovens que perderam espaço após a chegada de Oswaldo. Marcos vinha sendo escalado com frequência entre os titulares por Fernando Diniz, mas agora com o novo treinador, virou terceira opção do ataque. O setor ofensivo agora é composto por Yony González e Wellington Nem.

Já Miguel dava seus primeiros passos como profissional e vinha com expectativa de ser mais aproveitado, mas nos últimos jogos, sequer esteve entre os relacionados. O Fluminense chegou a brigar para que ele não fosse convocado para as categorias de base da seleção brasileira, mas atualmente o jogador não vem sendo muito aproveitado por Oswaldo.

A verdade é que atualmente Oswaldo de Oliveira vem apostando nos jogadores mais experientes, talvez até mesmo por conta do momento delicado da equipe no Campeonato Brasileiro. "O João Pedro é titular, vem jogando todas as partidas. Acho que a idade não é o primordial. Claro que a experiência é importante, ainda mais em momentos de dificuldade. Mas o importante é o rendimento, quem pode contribuir mais para a equipe", analisou Oswaldo de Oliveira.

Foto: Lucas Merçon

 

 

 

Mais lidas da semana