Mídias Sociais

Esporte

Grupo de mulheres se reúne em Carapebus para jogar vôlei e ganha apoio da prefeitura

Publicado

em

 

O esporte é muitas vezes um grande aliado para quem busca uma melhor qualidade de vida e saúde. Pensando nisso, um grupo de mulheres de Carapebus se reuniu para treinar vôlei. E o que começou como uma brincadeira em um momento de descontração acabou virando uma atividade oficial, após a prefeitura abraçar a idéia.

Hoje o grupo de mulheres conta com o auxílio da prefeitura, que cede profissionais como treinador, assistente e preparador físico. O grupo costuma se reunir sempre às segundas e quartas-feiras, das 19h às 21h, na quadra do colégio Estadual Thomas Gomes. Hoje o projeto já conta com 20 participantes e vem crescendo cada vez mais com o passar do tempo.

Se antes a atividade começou como uma alternativa para sair do sedentarismo, hoje ela é encarada de maneira bastante séria pelas participantes. “Eu conto os dias para chegar o treino”, afirmou Juliana Luna, ex-jogadora de vôlei por Macaé. “A atividade é tão prazerosa, que se tornou um reencontro de amigas, que só mesmo a chuva pode impedir”, complementou Juliana.

A idéia foi comprada pela Prefeitura de Carapebus através do projeto Vivendo com Esporte e Lazer. Com o crescimento, o grupo estuda a possibilidade de disputar partidas amistosas com equipes de cidades vizinhas.

De acordo com o secretário de Esporte e Lazer de Carapebus, Evandro Torres, o projeto teve início em setembro de 2017 e acabou conciliando o desejo da secretaria de sempre buscar alternativas para que os cidadãos pratiquem uma atividade física.

“Não posso deixar de parabenizar a prefeitura Christiane Cordeiro, que abraçou o projeto. Hoje temos uma parceria com o Colégio Estadual Thomas Gomes, que nos cedeu o espaço para realizarmos os treinamentos”, agradeceu o secretário. Evandro lembrou ainda que além do vôlei adulto feminino, o masculino e também o infantil retornaram suas atividades.

Foto: divulgação

Mais lidas da semana