Mídias Sociais

Esporte

Goytacaz encara o Itaboraí neste sábado no Alzirão pela semifinal da Taça Corcovado

Avatar

Publicado

em

 

O Campeonato Carioca da Série B1 está pegando fogo. A competição está chegando a sua reta final e neste sábado, dia 2, teremos as disputas das semifinais da Taça Corcovado, que corresponde ao segundo turno do torneio. Representando a região, o Goytacaz irá encarar o Itaboraí, às 15 horas, no Alzirão. No outro duelo do dia, Artsul e América duelam por uma vaga na final, também às 15 horas, só que no Estádio Nivaldo Pereira.

O Goytacaz foi o grande campeão do primeiro turno, mas a verdade é que na Taça Corcovado o time não conseguiu repetir a brilhante campanha da Taça Santos Dumont. O Alvianil da Rua do Gás se classificou para a semifinal do turno com a segunda colocação do Grupo B, o que não tira seus méritos e, claro, a condição de um dos favoritos ao título.

Avassalador no primeiro turno, o Goytacaz caiu um pouco de produção no segundo, mas nada alarmante. Somou 18 pontos e ficou atrás apenas do Artsul, com 20. Na Taça Corcovado, o Alvianil da Rua do Gás teve uma campanha de cinco vitórias, três empates e três derrotas, o que totalizou um aproveitamento de 54,5% dos pontos.

Já o Itaboraí foi mais consistente e até certo ponto surpreendente. A equipe fechou a fase de classificação da Taça Corcovado com a melhor campanha, somando 21 pontos, com seis vitórias, três empates e apenas uma derrota. O aproveitamento foi de 70% dos pontos. A única derrota foi justamente na última rodada, quando caiu diante do Duque de Caxias, por 3 a 1.

Goytacaz e Itaboraí inclusive já se enfrentaram neste segundo turno. Na ocasião, o confronto aconteceu no dia 19 de agosto, também no Alzirão, onde o Itaboraí acabou ficando com a vitória por 3 a 1. Resta saber agora no tira-teima quem irá se sair melhor no duelo por uma vaga na final.

Na outra semifinal, também teremos um confronto extremamente equilibrado. E os números comprovam isso. Ambas as equipes tiveram campanhas quase que idênticas: 60,6% de aproveitamento para o Artsul contra 66,7% do América. Foram seis vitórias e dois empates para cada lado. A diferença é que o Artsul disputou uma partida a mais e também teve uma derrota a mais (3 contra 2).

Sérgio Barcellos

Foto: Leonardo Berenger 

Mais lidas da semana