Mídias Sociais

Esporte

Fluminense responde proposta do Flamengo pelo atacante Pedro

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Fluminense emitiu nesta sexta-feira (28) uma resposta sobre a oferta de compra apresentada pelo Flamengo pelo atacante Pedro. O Tricolor das Laranjeiras se pronunciou por meio de seu novo presidente, Mário Bittencourt. A proposta não agradou ao Flu, que informou que o atleta só sairá para o mercado nacional caso seja pago o valor da multa rescisória.
"A legislação determina que a proposta seja feita de clube para clube. Flamengo possui uma relação de cordialidade, até por causa do Maracanã. O Flamengo fez, no direito dele, a proposta pelo Pedro. O Flamengo enviou uma proposta e nós de pronto informamos ao Flamengo que para qualquer rival nosso no futebol brasileiro a única possibilidade do atleta sair seria pagando a multa integral prevista em contrato e desde que o atleta também queira. A proposta do Flamengo não chegou nem perto disso e nós dissemos que não faríamos a operação", disse o presidente.
O Fluminense atravessa um delicado momento financeiro, chegando inclusive a atrasar salários do elenco. Negociar Pedro a essa altura traria um alívio imediato aos cofres do clube e é exatamente nisso que aposta o Flamengo para dobrar o adversário. Mesmo assim, Mário Bittencourt afirmou que a situação financeira não irá influenciar na negociação. O mandatário disse também que Pedro não se pronunciou sobre o interesse Rubro-Negro.
"Em nenhum momento o atleta conversou conosco. Não houve nenhum tipo de comunicação oficial. E um dirigente do Flamengo garantiu que não houve proposta direta para o atleta. Até porque seria aliciamento. Primeiramente, gostaríamos muito de que o atleta ficasse. Temos outras possibilidades financeiras de sanar os problemas que o Fluminense tem", disse o presidente.
A multa rescisória de Pedro é de 50 milhões de euros (aproximadamente R$ 220 milhões na cotação atual) para o exterior e um pouco menor para o mercado nacional.

Foto: Lucas Merçon

Mais lidas da semana