Mídias Sociais

Esporte

Fluminense e Ferj podem ter novo embate nos bastidores agora em 2021

Publicado

em

 

A tumultuada relação entre o Fluminense e a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) promete novos capítulos. Em 2020, as partes discordaram de forma viemente sobre a volta do Campeonato Carioca em plena pandemia, o que acabou por estremecer a relação entre ambos. Agora em 2021, as partes devem travar novo duelo nos bastidores por conta da distribuição dos direitos de transmissão do Campeonato Estadual deste ano.

Como a Globo rompeu o contrato de transmissão do Campeonato Carioca, a Ferj agora busca um novo investidor para transmitir os jogos. Acontece que a diretoria do Fluminense já se posicionou afirmando que não quer a Federação atue como intermediária na distribuição das cotas de TV.

O temor do Fluminense é que a Ferj desconte algum valor do repasse aos clubes. Além disso, a posição da diretoria do Tricolor é que todos os grandes recebam a mesma quantia com os novos contratos, o que não acontecia no passado. Cabe lembrar que Fluminense e Ferj também já divergiram no passado com relação as despesas lançadas pela Federação nos borderôs do Campeonato Estadual.

Até o presente momento, a Federação não fechou a transmissão dos jogos com nenhum novo investidor. A indefinição vem atrapalhando também as negociações junto a empresas para a venda de espaços publicitários no Carioca. A entidade máxima do futebol carioca busca acertar um novo contrato o quanto antes, para já definir como será a distribuição das cotas.

Foto: Lucas Merçon

Mais lidas da semana