Mídias Sociais

Esporte

Flamengo faz a sua estreia em casa pela Libertadores nesta quarta-feira

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Ainda em lua de mel com a torcida, o Flamengo fará a sua estreia em casa pela Libertadores da América nesta quarta-feira (11). Na ocasião, o Rubro-Negro irá receber o Barcelona de Guayaquil, do Equador. O objetivo dos cariocas é a vitória, para deixar bem encaminhada a classificação para a próxima fase do torneio.

Considerado um dos líderes do elenco, o lateral-esquerdo Filipe Luís falou brevemente sobre o confronto desta quarta. "Vamos estudar muito o Barcelona. Não importa o momento que o time viva. Todos que enfrentam o Flamengo atualmente fazem o jogo da vida. Temos que estar muito atentos na recuperação da bola para não sofrer. Será um bom jogo. Clima de Libertadores é diferente", explicou o jogador.

Filipe Luís falou ainda sobre a pressão por resultados no Flamengo. O jogador acredita que agora em 2020 o time está mais preparado para a competição e chega muito menos pressionado do que no ano passado.

"Defender o título é muito bom. Você vê que o peso saiu dos jogadores. Libertadores é diferente. Acho que a única parecida é a eliminatória. Ambientes diferentes, gramado, altitude, odisseias para chegar aos lugares... Temos um título a defender. Entendemos que as pessoas nos coloquem esse cartaz, mas sabemos que o que define a Libertadores é o mercado do verão europeu. Muita coisa pode acontecer. Mas estamos com a confiança lá em cima para fazer as coisas, ainda mais em casa", explicou o jogador.

Na avaliação do lateral, o Flamengo tem pela frente um dos grupos mais complicados do torneio. Mesmo assim, o time está pronto para o desafio.

"Pegamos as viagens mais longas, mas para ganhar a Libertadores temos que passar por isso, jogar no Equador, Colômbia, altitude. Estamos muito mais preparados do que ano passado para enfrentar essas situações. Temos que lembrar que estamos em um grupo muito complicado na Libertadores. Essa confiança que temos nos faz muito feliz e temos que desfrutar. Esperamos poder classificar. Até porque, eu, como flamenguista, também sofri com as eliminações", encerrou o jogador.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana