Mídias Sociais

Esporte

Flamengo encara o Corinthians neste domingo no Maracanã para manter vantagem na ponta

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Passado o jogo contra o Goiás, o foco do Flamengo agora está todo no duelo deste domingo (3) contra o Corinthians. O Rubro-Negro sabe que ficou devendo no meio de semana e por isso quer retomar o caminho das vitórias para manter a confortável vantagem na tabela de classificação.

Após abrir 2 a 0 diante do Goiás no meio de semana, o Flamengo acabou cedendo o empate ao rival nos minutos finais, algo que incomodou o técnico Jorge Jesus. Na coletiva de imprensa após a partida, o treinador admitiu que ele o time foram surpreendidos com a reação do adversário.

"No futebol não há justiça ou injustiça, é como acaba. Mas é verdade, depois de estar ganhando de 2 a 0, nos últimos 15 minutos, tanto eu como a equipe não esperávamos que pudesse acontecer uma volta no resultado. O futebol tem essas coisas imprevisíveis. A expulsão do César colocou a equipe deles no jogo. Poderíamos ter saído daqui com os três pontos. Nitidamente perdemos dois pontos pelo fato de nos últimos 15 minutos, tudo que aconteceu no jogo, não conseguimos ter um equilibro emocional, fomos surpreendidos com as duas possibilidade de gol da equipe do Goiás. Mas são 20 jogos que a equipe não perde. Claro que sentimos que perdemos dois pontos, mas também contabilizamos um ponto. Portanto, faltando nove rodadas, todos os pontos são importantes", afirmou Jorge Jesus.

Para o treinador, a falta de concentração foi responsável pela reação do adversário. O Flamengo tinha o resultado a seu favor e a situação sob controle, mas acabou permitindo ao rival uma improvável reação.

"Não se pode culpar o gramado ou nada. Quando time está vencendo por 2 a 0, tem que estar focado no jogo. O Flamengo passou a focar em discussões, toda a equipe ficou desconcentrada", encerrou Jesus.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana