Mídias Sociais

Esporte

Flamengo desembarca no Rio de Janeiro sob festa após título do Brasileiro

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Flamengo desembarcou no Rio de Janeiro nesta sexta-feira (26) sob muita festa. De forma dramática e com emoção até o último segundo, o Rubro-Negro sagrou-se bicampeão brasileiro. A confirmação do título veio mesmo após a derrota para o São Paulo por 2 a 1. A conquista só foi possível graças ao empate sem gols do Internacional com o Corinthians no Beira-Rio.

O Brasileirão 2020 foi o mais emocionante de todos os tempos. A prova disso é que o título só foi confirmado nos segundos finais da 38ª rodada, algo inédito desde que a competição passou a ser disputada em pontos corridos em 2003. Desde que a competição passou a ser disputada nesse formato, o campeão normalmente é decidido antes da última rodada.

A temporada 2020 foi bastante atípica por conta da pandemia do coronavírus. O Brasileirão trocou de líder por diversas vezes. Vários times se colocaram como protagonistas, só que no fim, quem acabou levando a melhor foi o Flamengo. Embora tenha desperdiçado várias chances de liderar a competição, o Rubro-Negro foi o mais regular e por isso mereceu levar o troféu para a casa.

A conquista teve um sabor especial também para Rogério Ceni. O treinador foi duramente criticado no início de seu trabalho no Flamengo. Principalmente pelos torcedores, que pediam sua cabeça a todo e qualquer tropeço. Ceni resistiu a toda pressão e conseguiu extrair o melhor de seus jogadores. No fim, pôde comemorar o título que tanto buscou desde que assumiu o clube.

“Fico feliz porque tive oportunidade de conquistar três campeonatos com o São Paulo, um com o Fortaleza na Série B. Foi o que me trouxe até aqui. Falo que o Flamengo é diferente. Vi hoje na Rocinha o jogo ser passado no telão. E tenho certeza que apesar de o resultado não ter sido aquele que a gente desejava, tenho certeza que o Rio vai amanhecer mais alegre. A alegria dessas pessoas é ver o Flamengo ser campeão, ver o Flamengo vencer”, disse o treinador.

O treinador ainda complementou: “Como um todo no campeonato de pontos corridos, conseguimos a melhor campanha. Uma pena ter saído derrotado, mas a alegria do campeão perdura pelo resto da vida. Foi um momento que não começamos bem o ano, uma virada de chave, recuar o Arão, botar o Diego de 10. Rodrigo Caio sentido lesão, Arão sem condição de jogo. Eles se recuperaram dentro de campo. Mas não conseguimos o resultado. Algumas falhas, não conseguimos desenvolver grande futebol, pressionamos no primeiro tempo. Uma jogada que errada uma marcação de falta que era ao nosso favor, acabou originando o gol do São Paulo. Ser campeão aqui, no lugar que tenho um carinho muito grande, respeito muito grande. E hoje num clube grande do Flamengo. É isso que falo sobre inserção social. Tenho certeza que o Rio de Janeiro hoje está parado”, encerrou Ceni.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana