Mídias Sociais

Esporte

Flamengo de Abel encara o São Paulo neste domingo em partida que pode selar destino do treinador

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

A cabeça está completamente voltada para o duelo da próxima semana diante do Peñarol pela Libertadores, mas o confronto deste domingo (5) às 16 horas no Morumbi pode ser um divisor de águas no Flamengo. Abel Braga chega para a partida contestado, principalmente por conta de suas declarações na derrota diante do Internacional na rodada passada. Um revés diante do Tricolor Paulista pode colocar fim a passagem do treinador pelo clube.
O Flamengo terá pela frente um São Paulo animado e líder do Campeonato Brasileiro com 100% de aproveitamento. O Tricolor Paulista subiu de produção sob o comando de Cuca e jogará diante de sua torcida para manter a ponta no torneio. Em contrapartida, o Rubro-Negro não deverá ter força máxima. Mesmo bastante pressionado, Abel quer priorizar o duelo contra o Peñarol, que irá definir o futuro da equipe na Libertadores.
Abel não divulgou o time que mandará a campo diante do São Paulo. Mas são boas as chances do Flamengo entrar em campo recheado de reservas. A comissão técnica entende que os jogadores estão cansados devido a longa sequência de jogos e que é preciso recuperá-los para a decisão diante do Peñarol, já que a Liberdores é a maior prioridade da temporada.
Internamente, a diretoria do Flamengo tem o pensamento de não repetir os mesmos erros das gestões anteriores. E isso passa por demissões precipitadas, principalmente de treinadores. As outras gestões demitiam profissionais nos primeiros sinais de crise, em um clico que costumava durar mais ou menos um semestre.
A contrapartida é que a direção já começa a se mostrar incomodada com Abel, principalmente com as oscilações do time em jogos importantes. Foi assim diante do Peñarol no Maracanã e contra a LDU no Equador. Neste cenário, parte acredita que o melhor caminho é a troca de comando técnico, já que no entendimento geral, Abel já teve tempo suficiente para dar padrão ao time. Com esse cenário nebuloso, a partida contra o São Paulo ganhou ares de decisão, principalmente para Abel.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas do mês