Mídias Sociais

Destaque

Cabofriense passa pelo Resende e garante permanência na Série A do Carioca no próximo ano

Publicado

em

 

O drama da Cabofriense finalmente chegou ao fim. E com final feliz. Após sofrer com o fantasma do rebaixamento ao longo de todo o segundo turno, o Tricolor Praiano bateu o Resende no último sábado, dia 16, por 2 a 1, no Estádio do Trabalhador. O resultado pôs fim a angústia no clube e selou de vez a permanência da equipe na Série A do Carioca do próximo ano.

Para se manter na elite do futebol carioca, a Cabofriense precisou se superar em todos os aspectos e fazer algo inédito até então no torneio: vencer fora de casa. O Tricolor Praiano havia perdido todos os jogos como visitante até aqui, mas no último sábado, o desfecho foi diferente.  O time não só quebrou esse tabu, como desbancou também o favorito Resende, se garantindo na Série A.

Já classificado para a semifinal da Taça Rio, o Resende entrou em campo com um time misto. Ainda assim, o Alvinegro das Agulhas deu bastante trabalho ao adversário. Tanto que os donos da casa foram os primeiros a balançar as redes e abriram o placar com Diego. A Cabofriense, por sua vez, não se entregou já que precisava da vitória para evitar o rebaixamento sem depender de outros resultados.

A Cabofriense foi pra cima e acabou recompensada pelo esforço na etapa final. O herói na luta contra a degola foi o atacante Charles Chad, autor de dois gols, que decretaram a vitória por 2 a 1. Curiosamente, Chad foi tido por muitos como a principal contratação do clube para a temporada. Com gols decisivos, ele acabou justificando o investimento da diretoria. Aliviada após assegurar a permanência na Série A, a Cabofriense se volta agora para o planejamento da Copa Rio, competição que será disputada no segundo semestre. Friburguense e América foram os rebaixados para a Série B.

Autor: Sérgio Barcellos

Foto: Andreia Maciel


 

Mais lidas do mês