Mídias Sociais

Esporte

Bruno César agradece nova chance no Vasco: "estou devendo"

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O meia Bruno César falou pela primeira vez nesta semana sobre a nova chance que recebeu no Vasco. Em entrevista a Vasco TV, o jogador agradeceu o voto de confiança dado pelo clube e especialmente ao técnico Ramon, que vem apostando suas fichas na tentativa de resgatar o seu melhor futebol.

No bate-papo, Bruno César reconheceu que ficou devendo. O jogador falou também sobre o período em que ficou afastado pelo clube e a vontade de dar a volta por cima e corresponder a toda expectativa nele depositada. Ele vem se empenhando até aqui nos treinamentos para dar a resposta dentro de campo.

"Eu creio que vou ter de resgatar a confiança nos jogos, no dia a dia. Vou ter de mostrar que o ano foi diferente. Eu não posso dizer aqui, tenho é de mostrar dentro de campo. Cheguei aqui, e a torcida do Vasco tinha uma confiança por mim e eu não pude oferecer isso a eles. É claro que sei que estou devendo, tenho a minha autocritica, sei que não fiz um bom ano", explicou o jogador.

"Estou aqui porque eu quero. Eu quero vestir essa camisa. Eu fiquei três meses quase sem respaldo nenhum. Se fosse outro... Em nenhum momento, eu critiquei o clube ou a direção. O clube está acima de qualquer jogador, então, tem de ter respeito mesmo que eventualmente não pague salário. O clube tem torcida, devemos esse respeito a ela. Se fosse outro jogador poderia ter colocado na Justiça", afirmou o meia.

Bruno chegou ao Vasco em janeiro de 2019. Ganhou oportunidades no Campeonato Carioca, mas acabou perdendo espaço no time. Fechou a temporada como reserva, tendo marcado quatro gols em trinta jogos disputados. Em janeiro de 2020, ainda no começo da pré-temporada do time sob o comando de Abel Braga, soube pela diretoria que não estava mais nos planos do clube. O afastamento só terminou quando o técnico Ramon foi efetivado. Atualmente, o atleta está seis meses sem jogar.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana