Mídias Sociais

Esporte

Arrascaeta fala sobre decisão da Recopa e postura do Flamengo ao jogar na altitude

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Ainda comemorando o título da Supercopa do Brasil, o Flamengo terá pela frente outra decisão importante nesta quarta-feira (19). Na ocasião, o Rubro-Negro entra em campo para disputar o jogo de ida da final da Recopa Sul-Americana. O adversário será o Independiente Del Valle. A partida será disputada às 22h30 (de Brasília), no Estádio Atahualpa, em Quito, capital do Equador.

A cidade fica a 2.850 metros do nível do mar e a altitude, claro, foi tema da coletiva de imprensa realizada nesta semana. O escolhido para o bate-papo com os jornalistas foi o meia Arrascaeta. O uruguaio acredita que isso não será um grande problema para o time comandado por Jorge Jesus.

"Já sabemos das características do jogo que vamos ter aqui. Vamos estar preparados fisicamente. Será um jogo muito intenso, dinâmico. Tivemos um desgaste grande na Supercopa, uma viagem desgastante, e precisamos descansar bem. Será um partida difícil contra um time muito intenso", afirmou Arrascaeta.

O jogador foi questionado também sobre qual deverá ser a postura do Flamengo diante do adversário. Arrascaeta respondeu que a forma de jogar do time não irá mudar, mesmo na casa do rival.

"Quando entramos no campo de jogo, respeitamos muitos os adversários. Temos a nossa característica e vamos manter. A cada vez mais vamos ser mais fortes e melhores. A humildade que temos também é uma característica e vamos seguir por esse caminho", explicou o uruguaio.

O Flamengo terá uma baixa importante no setor ofensivo para a partida desta quarta. O Rubro-Negro não poderá contar com Gabigol. O principal goleador do time terá que cumprir suspensão automática por ter sido expulso na final da Libertadores do ano passado diante do River Plate. O atacante Pedro é o favorito para ficar com a vaga no time titular.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana