Mídias Sociais

Esporte

Abel Braga não descarta o Corinthians da briga pela classificação na Copa do Brasil

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Flamengo largou na frente do Corinthians na briga por uma vaga na próxima fase da Copa do Brasil. O Rubro-Negro arrancou uma importante vitória por 1 a 0 em São Paulo, que lhe dá a vantagem de jogar por um empate no jogo de volta para avançar às quartas de final. Na coletiva de imprensa, o técnico Abel Braga comemorou o resultado, mas não descartou o Corinthians da disputa pela classificação.

“É uma vitória importante porque dá uma pequena vantagem e mais nada. O Corinthians tem a possibilidade de vencer no Rio. Saímos de um primeiro tempo onde erramos de uma maneira absurda. Um time que não conhecia. No segundo tempo, três ou quatro jogadores que estava muito abaixo subiram. Era impossível o Corinthians manter aquele ritmo e jogamos de maneira inteligente. Fomos mais nós mesmos. Foi uma vitória importante, mas não significa vencer nada em um jogo de 180 minutos”, afirmou Abel.

O treinador falou também sobre a briga pela titularidade na equipe. Arrascaeta não fez um bom jogo diante do Corinthians e o nome de Diego voltou a ganhar força no clube. Na coletiva, o treinador explicou que em um elenco recheado de opções, terá que deixar alguém de fora em determinadas partidas.

“O Diego (entrou bem) e não foi só esse jogo. Foi assim contra o Peñarol, contra a Chapecoense... E ele está pedindo passagem. Eu dou as chances, procuro agir com justiça, nunca com sacanagem. Hava visto que o Diego Alves saiu em um jogo onde nao foi bem, mas por contusão. O César entrou bem e ele voltou. O Arrascaeta está tendo a chance. Vai ter um momento em que tem que subir, crescer. Ele tem uma capacidade incrível. Como só tenho um lado esquerdo e só posso colocar 11, alguém tem que esperar. Por enquanto, está sendo o Diego”, explicou Abel.

O Flamengo agora dá uma pausa na Copa do Brasil e volta a se concentrar no Campeonato Brasileiro. No próximo sábado (18), o Rubro-Negro irá encarar o Atlético-MG no Independência, às 19 horas. O adversário é o quarto colocado na tabela de classificação, enquanto que a equipe carioca aparece na sétima posição.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas do mês