Mídias Sociais

Destaque

Profissionais da Educação de Cabo Frio encerram férias e iniciam greve

Avatar

Publicado

em

 

Em assembleia, a categoria decidiu que estará novamente em greve a partir do dia 01 de fevereiro, data que as férias são encerradas. 

Os profissionais da educação de Cabo Frio voltarão das férias iniciando uma nova greve, no dia 1º de fevereiro. A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta semana pela categoria.

Para marcar o início da paralisação, um ato será realizado já no dia 1º, às 9h, em frente a Prefeitura Municipal.

De acordo com o Sindicato dos profissionais da Educação – Sepe Lagos, a greve é devido ao não pagamento do 13° salário de 2017 para ativos e aposentados; Das duas parcelas do 13° de 2015 para os ativos; do pagamento de dezembro de 2016 dos aposentados; do 13° de 2016 para os aposentados; do um terço de férias; da isonomia salarial dos contratados e pela falta de negociação quanto ao triênio, mudança de nível e enquadramento.

Antes de encerrar o ano de 2017, o Prefeito Marquinho Mendes anunciou que o município não tinha condições de pagar o 13º salário para os servidores de forma imediata. O município já fez três tentativas de vender a folha de pagamento para conseguir pagar os benefícios não só a categoria como aos demais servidores, mas não conseguiu. Com isso, a previsão é que a categoria só consiga receber todos os benefícios em março.

Mais lidas da semana