Mídias Sociais

Destaque

Macaé têm 17 casos suspeitos e nenhum confirmado do novo coronavírus

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Centro de Triagem do Doente por Coronavírus em Macaé, registrou a presença de 88 pessoas.

O Centro de Triagem do Doente por Coronavírus em Macaé, criado para atendimento exclusivo a pacientes com quadro sugestivo da doença, registrou até às 10h30 desta quarta-feira (18) a presença de 88 pessoas.
Os dados são da secretaria de Saúde, que afirmou que 90% dos casos atendidos foram leves de síndrome respiratória. A unidade, foi instalada antigo Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas e disponibiliza equipe médica para atender a população até às 20h.

Ainda não há caso confirmado de coronavírus em Macaé. Dezessete são suspeitos e outros seis foram descartados. Os testes de casos moderados a graves são encaminhados para o laboratório de emergência no Rio de Janeiro. Duas pessoas foram encaminhadas na terça-feira (17) para o Hospital Público Municipal (HPM).

A equipe da Vigilância em Saúde orienta que qualquer pessoa com gripe ou resfriado deve permanecer em sua residência. Caso apresente falta de ar, tosse ou febre deve ir ao Centro de Triagem.A unidade disponibiliza médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, fisioterapeuta, recepcionista e auxiliar de serviços gerais.

O decreto que criou o Centro de Triagem também designou o Centro de Cooperação Inter-hospitalar, composto por todos os hospitais públicos e particulares do município. A regulamentação integra, ainda, outras orientações preventivas, com o objetivo de conter o avanço do Covid-19.

A cooperação dos hospitais tem como finalidade otimizar o uso de recursos humanos, equipamentos e medicamentos, garantindo o tratamento igualitário a toda a população.

Tanto o Centro de Triagem, localizado na Rua Tenente Coronel Amado, 225, Centro, quanto o Centro de Cooperação Inter-hospitalar, são geridos pelo Gabinete de Prevenção de Cuidado aos Portadores de Coronavírus, criado pelo Decreto Municipal 27/2020, de 13 de março de 2020.

Mais lidas da semana