Mídias Sociais

Covid-19

Na Bandeira Vermelha da Covid-19, Macaé suspende festas de final de ano

Daniela Bairros

Publicado

em

 

Daniela Bairros

O prefeito de Macaé, Dr. Aluizio, determinou no início da noite desta sexta-feira, por meio do decreto 221/2020, a suspensão das festas de final de ano na cidade, como Natal e Réveillon.

A cidade, que está na Bandeira Vermelha da Covid-19, contabiliza 12.301 casos confirmados do novo coronavírus, com 211 óbitos, e taxas de ocupação em leitos de Unidade Terapia Intensiva de 71%.

Segundo o decreto, fica proibida a promoção ou realização de eventos, festas e/ou comemorações, promovidas pela iniciativa privada e pelo Poder Púbico, até 31 de dezembro de 2020, em locais públicos e que possam gerar aglomeração de pessoas.

O decreto determina também a proibição da instalação de tendas, barracas e/ou similares, nas praias da cidade, até o dia 31 de dezembro.

Fica proibida a realização de eventos em casas de festas, bares, clubes, hotéis, pousadas, restaurantes e locais similares, para celebração do Natal de 2020 e o Réveillon 2020-2021, que tenham ou não venda de ingressos e que possam gerar aglomeração de pessoas. O funcionamento de hotéis e pousadas continuará observando as normas já regulamentadas sobre a matéria, em especial os Decretos Municipais 113/2020, 122/2020, 123/2020, 124/2020, 125/2020, 169/2020 e 208/2020, permanecendo vedado o funcionamento de casas de festas, bares e clubes.

No dia 31 de dezembro de 2020, os restaurantes deverão encerrar suas atividades no, máximo, até às 17h. Fica proibida a realização de shows e/ou eventos, incluindo a queima de fogos de artifício e/ou similares, durante o Reveillon de 2020-2021, em áreas públicas da cidade,

Fica recomendado que as confraternizações familiares de final de ano sejam realizadas com observância dos protocolos de segurança para evitar a disseminação do novo coronavírus e da Covid-19, ficando, preferencialmente, restritas ao ambiente do grupo familiar de convivência próxima, evitando sempre que possível a aglomeração de pessoas.

Fica proibida a entrada de ônibus de turismo em  Macaé até o dia 31 de dezembro de 2020.

Mais lidas da semana