Mídias Sociais

Cidades

Trabalhos de Conclusão de Curso, da Católica Salesiana, de Macaé, abordam Química Verde

Avatar

Publicado

em

 

 

Aluna do Curso de Engenharia Química, Pollyana Rodrigues Huguinim Souza

Da redação

O universo acadêmico é um celeiro de boas ideias e práticas para o desenvolvimento social e sustentável. Exemplo disso são os Trabalhos de Conclusão de Curso, os chamados TCCs, desenvolvidos pelos graduandos dos cursos da Faculdade Católica Salesiana, e que neste cenário, estão sendo defendidos em bancas online.

Desse modo, visando pensar em soluções verdes para a indústria química de plástico, as estudantes do 10º período de Engenharia Química, Gisiane de Oliveira Aguiar e Pollyanna Rodrigues Huguinim Souza, desenvolveram o TCC “Aplicação da química verde na indústria química como desenvolvimento sustentável com ênfase na produção do plástico verde”. O trabalho obteve nota 10 na banca composta pela professora doutora Priscila Martins Barros Câmara, pelo professor mestre Warlley Antunes e ainda pelo professor mestre e orientador do projeto Rogério Manhães Soares.

Com o objetivo de verificar a aplicação da biomassa da cana-de-açúcar como fonte de energia, utilizando rotas limpas nos processos das indústrias químicas e buscando eliminar substâncias nocivas ao meio ambiente, com ênfase justamente na produção do plástico verde (produzido através do álcool etílico), as universitárias puderam entender as oportunidades de crescimento de produção desse tipo de plástico na indústria.

“As pesquisas nos mostraram diversos aspectos positivos do plástico verde em relação ao plástico comum – produzido da fração do petróleo chamada nafta. Em um contexto em que os consumidores estão, cada vez mais, buscando saber como o que consomem é produzido e, por consequência, optam por empresas que possuem maior consciência ambiental e social, com processos mais sustentáveis atrelados ao conceito de Química Verde, o plástico verde tem chances de ganhar mais espaço no mercado em diversas categorias de produção, como embalagens”, salientam Gisiane e Pollyanna.

Mais lidas da semana