Mídias Sociais

Cidades

SIT anuncia reforço de ônibus para candidatos que farão prova do TRT-Rio neste domingo (10) em Macaé

Daniela Bairros

Publicado

em

 

Segundo organização do concurso, candidatos inscritos em Macaé farão as provas durante todo o domingo nos dois principais polos  Cidade Universitária e Faculdade Estácio.

 

Daniela Bairros

A SIT (Sistema Integrado de Transporte), responsável pelo transporte público de Macaé, anunciou nessa sexta-feira (08) que reforçará o transporte nos locais de prova do TRT (Tribunal Regional do Trabalho) – Rio, com planejamento de circulação elaborado a partir do mapa de endereços passado pela organização do concurso.

Segundo a organização do concurso, candidatos inscritos em Macaé farão as provas durante todo o domingo nos dois principais polos, Cidade Universitária e Faculdade Estácio.

O concurso público do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, que compreende a 1ª Região, tem provas confirmadas para o próximo domingo, 10 de junho. No dia 1º de junho, foi realizado um encontro entre membros do Ministério Público Federal (MPF) e do TRT para tratar do pedido de suspensão solicitado pelo MPF. Ficou decidido que as avaliações estão mantidas, conforme cronograma oficial do edital do concurso.

Ficou decidido ainda, que os candidatos terão 30 minutos a mais para o inicio das provas na turno da tarde, com exceção apenas dos candidatos com deficiência, que farão as avaliações no mesmo local, nos dois turnos.

Pedido de suspensão

O Ministério Público Federal (MPF) do Rio de Janeiro solicitou, junto ao Conselho Nacional de Justiça, a suspensão das provas do concurso público do TRT/RJ, previstas para serem aplicadas no dia 10 de junho, até que candidatos inscritos para dois cargos possam realizar as provas no mesmo local.

O requerimento se deu em sede de procedimento de controle administrativo (PCA), com pedido de liminar. Em paralelo, foi expedida recomendação à entidade organizadora do concurso – AOCP –, para que adie a realização das provas até que garantidos os direitos de tais candidatos.

No CNJ, o PCA foi distribuído ao conselheiro relator Márcio Schiefler, que já determinou ao TRT/RJ que preste informações no prazo de 48 horas. No edital do concurso público do TRT RJ, há previsão de candidatos participarem da disputa para dois cargos, desde que as respectivas provas estivessem previstas para períodos distintos (manhã / tarde). Porém, segundo o MPF, eles foram designados para locais diferentes em cada turno, separados por distâncias excessivas, em regiões mutuamente afastadas muito além do razoável.

“Onde se quer um concurso público em igualdade de condições, tem-se em verdade uma alucinada corrida contra o tempo, com os candidatos administrando o risco real de perecimento de seu direito à luz da própria sorte, invariavelmente refém das diversas intempéries que se acumulam no cotidiano do Rio de Janeiro.”, afirmou o procurador da República Fábio Seghese.

 

Crédito: Divulgação

 

Mais lidas da semana