Mídias Sociais

Cidades

São Pedro da Aldeia perde dois médicos do programa Federal "Mais Médicos"

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

O município de São Pedro da Aldeia perdeu, nesta semana, dois médicos, que atuavam em unidades Estratégias de Saúde da Família (ESF), através do Programa do Governo Federal "Mais Médicos". De acordo com a Prefeitura, eles não poderão mais exercer suas atividades, já que deverão deixar o Brasil.

O Conasems - Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde enviou uma nota informando a paralisação das atividades. “Os médicos Cubanos interrompem as suas atividades a partir desta terça-feira (20) para que possam se organizar para a sua saída do Brasil. Mais uma vez, o Conasems pede aos Secretários Municipais de Saúde para tomarem as providências necessárias para que esta saída seja feita de forma respeitosa e carinhosa, e dentro de suas possibilidades, disponibilizem o devido deslocamento para embarque”.

A Prefeitura reforçar que a medida não partiu da gestão municipal, e sim, de um acordo do país de origem dos médicos. Medidas corretivas estão sendo tomadas de maneira urgente pelo Ministério da Saúde para o preenchimento das vagas.

A Secretaria Municipal de Saúde aproveitou para agradecer em público o excelente trabalho desempenhado pelos médicos ao longo dos últimos cinco anos na cidade.


 

Mais lidas do mês