Mídias Sociais

Cidades

Profissionais da Educação de Cabo Frio desocupam prédio da Prefeitura após audiência com representantes do município

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

Os profissionais da Educação de Cabo Frio desocuparam o prédio da Prefeitura de Cabo Frio, no final desta quarta-feira, 11, após conseguirem uma audiência com representantes do município. Participaram da reunião com o Sindicato dos Profissionais da Educação (SepeLagos) os secretários de Governo, Educação, Fazenda, Administração, Ibascaf e procuradoria.

A pauta da audiência foi o pagamento dos salários, onde ficou definido que será publicado um calendário mensal de pagamento. Com relação ao reajuste dos aposentados foi informado que é necessário um diálogo entre a Secretaria de Educação e o Ibascaf, pois legalmente o instituto precisa desse comunicado. E sobre o reajuste dos ASGs, cozinheiras, vigias, motoristas e agentes administrativos foi dito que eles pertencem a Lei Complementar 11.

O Sindicato tratou ainda sobre o desconto de greve e a denúncia de desvio de R$ 40 milhões da educação. Os assuntos estão sendo tratados pelo Governo, que dará uma resposta em breve.

Com relação a isonomia salarial, cabe a Câmara dos Vereadores aprovar, tendo em vista que a Secretaria de Educação já enviou o projeto para a procuradoria, que apresentará o mesmo hoje, 11, na Câmara.

Uma próxima audiência será quarta-feira, dia 17, às 15h. Já na sexta-feira, 12, haverá uma assembleia para definir os próximos passos da categoria. Enquanto isso, a paralisação continua.

Mais lidas da semana