Mídias Sociais

Cidades

Prefeitos da Região dos Lagos cobram providências para problemas de falta de energia

Avatar

Publicado

em

 

Consumidores de diversas cidades da Região estão sendo afetados pelas constantes quedas de energia

Thaiany Pieroni

 

Depois das inúmeras reclamações por parte da população, sem que uma solução fosse dada para as constantes quedas de energia; Os prefeitos de Arraial do Cabo e Búzios decidiram tomar a frente do problema na busca por uma solução.

Após uma manifestação realizada na tarde deste domingo, 01, pelos moradores da Rasa. O Prefeito de Búzios, André Granado, emitiu uma nota informando que essa semana tomará as devidas providências com relação ao problema.

“Estaremos tomando todas as providências jurídicas e políticas, para que sejam aplicadas multas severas na concessionária, inclusive iniciaremos uma discussão para buscarmos a sua substituição”, informou Granado.

Na sexta-feira, 29, o Prefeito de Arraial do Cabo, Renatinho Vianna, participou de uma reunião com representantes da Enel, no Porto do Forno, com o objetivo de cobrar providências da empresa.

De acordo com Renatinho, foi solicitado uma nota oficial da Enel com o relatório de investimento mensal que foi gasto no município e o que medidas serão tomadas para que a população receba o serviço com qualidade.

"Vamos acompanhar o andamento dessa solicitação porque não podemos aceitar que o fornecimento de energia continue com essa instabilidade e prejudicando a população", afirmou o prefeito.

Há cerca de um mês, os relatos de falta de energia tem sido constante por parte dos consumidores de praticamente todas as cidades da Região dos Lagos. Há casos de picos sequentes de energia até relatos de consumidores que ficaram mais de 24 horas sem energia, em ambos os casos foram registrados prejuízos como a queima de aparelhos eletrônicos, alimentos estragados e interferência no funcionamento de estabelecimentos. A expectativa é que com a intervenção do Executivo a concessionária tome as providencias necessárias para a solução do problema, antes do verão.

Mais lidas da semana