Mídias Sociais

Cidades

Para tentar evitar alagamentos, Prefeitura de Rio das Ostras realiza serviços de assentamento de ruas

Avatar

Publicado

em

 

Equipe da prefeitura trabalha na recuperação de poço de visita na Rua Abel Siqueira, no Recanto, além de realizar diversas ações de manutenção, urbanização e infraestrutura no município

As ruas de Rio das Ostras têm recebido uma atenção especial da gestão municipal neste final de ano, com a realização do assentamento de manilhas em diversas localidades da cidade, uma tentativa de reduzir os alagamentos que atormentam os moradores.

“Máquinas e equipes da Secretaria de Manutenção de Infraestrutura Urbana e Obras Públicas estão a todo vapor, para garantir mais segurança e acessibilidade à população”, garantiu a prefeitura.

O governo municipal informou que, nesta semana, na localidade de Colinas, foi dado continuidade ao trabalho de manilhamento no sistema de drenagem na Rua Sabiá, enquanto uma equipe segue fazendo uma galeria de aproximadamente 4 metros de profundidade para facilitar o escoamento de água, vindo da Rua Jabob.

Segundo a prefeitura, também foi realizado nos últimos dias a colocação de manilhas na Rua dos Cedros, no Âncora, e na Rua Projetada, em Mar do Norte, para melhorias no sistema de drenagem e com isso evitar os alagamentos.

Além dessa frente de trabalho, equipes da Secretaria de Obras ainda atuaram com o serviço de nivelamento de ruas não pavimentadas, passando pela Rua 2, no Âncora; na Rua Barros da Mota, em Cidade Beira Mar; e na Rua Campo de Garoupa, no Loteamento Atlântica.

As ações da prefeitura continuam na Enseada das Gaivotas, onde uma equipe começou a construção de uma travessia elevada para pedestres, que também serve como redutor de velocidade, na Avenida dos Bandeirantes, próximo à Rua Euclides da Cunha.

A Avenida recebeu também nesta semana a pintura de uma faixa de pedestres, só que próximo à esquina com a Avenida Roberto Silveira, em Costazul. Já na localidade do Recanto, equipes trabalharam na recuperação de um poço de visita na Rua Abel Siqueira, que teria sido encontrado quebrado e já deteriorado, provavelmente por conta do esgoto.


 

Mais lidas do mês