Mídias Sociais

Cidades

Materiais utilizados em obra da Rua das Pacas, em Cabo Frio, são furtados

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

Alguns cones e um suporte da tampa do bueiro foram furtados de uma obra, que está sendo realizada na Rua das Pacas, no Distrito de Tamoios, em Cabo Frio. A informação foi passada pela subprefeita do Distrito, Tamires Carneiro à um grupo de moradores da localidade.

De acordo com a subprefeita, esse foi um dos contratempos encontrados pela Prefeitura, durante  obra. "Infelizmente venho informar que estamos recolocando os bueiros no lugar e estamos tendo alguns problemas como por exemplo, de antes de ontem para ontem roubaram a maioria dos cones que colocamos na rua para sinalizar a obra e de ontem para hoje roubaram o suporte da tampa do bueiro. Estamos fazendo nosso melhor mas, essas coisas atrapalham a gente", desabafou Tamires.

A obra é uma medida paliativa encontrada pela administração municipal para amenizar os buracos da via, que tem mais de seis quilômetros de extensão e é o principal acesso para sete loteamentos com milhares de moradores, sendo considerada uma das vias mais movimentadas do Distrito.

A ação foi iniciada na última semana, neste período a via recebeu um material conhecido como “bica corrida”, que é um conjunto de pedra britada, pedrisco e pó-de-pedra, sem graduação definida, obtido diretamente do britador, sem separação por peneiração. A “bica corrida” é muito utilizada em camadas de sub-base e base de pavimentos flexíveis e pavimentos rígidos. Este tipo de material apresenta grande resistência. Além disso, também foi feita a limpeza dos bueiros.

Após o nivelamento da rua, a Coordenadoria de Serviços Públicos irá entrar com o asfalto, o que deve acontecer nos próximos dias. A ação aguarda somente a chegada do material, que vem do primeiro Distrito de Cabo Frio.

"Antes de colocar o asfalto temos que preparar os buracos pois estavam enormes se simplesmente colocássemos o asfalto em cima do material que já existia nos buracos, simplesmente não duraria nada", explicou a subprefeita.

De acordo com a subprefeitura, o trabalho continuará em todo o distrito, dividido em duas etapas. A primeira está sendo realizada pela Subprefeitura e consiste em fazer um levantamento sobre quais ruas receberão os cuidados em um primeiro momento. Em seguida, os dados serão repassados à Coordenadoria de Serviços Públicos, que dará início à segunda etapa, durante a qual será feita a manutenção necessária das ruas apontadas como prioritárias pelo levantamento.


 

Mais lidas do mês