Mídias Sociais

Cidades

Evento celebra Dia Mundial da Conscientização do autismo em Cabo Frio

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

A Praça Porto Rocha, no Centro de Cabo Frio, sediará pelo segundo ano consecutivo um evento em celebração ao Dia Mundial da Conscientização do Autismo. A ação, realizada pelo grupo "mães coragem" com o apoio da Prefeitura e de empresários locais, está programada para acontecer no dia 02 de abril, a partir das 15h.

"Já realizamos esse trabalho de conscientização há quatro anos, esse será o quinto. Cada ano fazemos em um formato diferente. Na Praça Porto Rocha é o segundo ano que fazemos nesse formato de tendas informativas", contou Raquel Simas, que faz parte da organização.

As tendas informativas será o espaço onde os participantes poderão receber orientações jurídicas e psicológicas, além de obter informações ligadas aos benefícios e direitos das pessoas com do TEA ( Transtorno do Espectro Autista),  como gratuidade, redução de impostos, entre outros. Também serão esclarecidos assuntos ligados a assistência social, inclusão escolar, cadastros, dentre outros. A programação inclui ainda panfletagem com informações e uma peça teatral realizada pela equipe de teatro Kerygma, que terá como tema #esefosseseufilho.

"Nosso foco será as informações e orientações. Uma peça de teatro que abordará o dia de uma pessoa com Autismo e o julgamento da sociedade. Essa é uma forma das pessoas entenderem melhor sobre o assunto. A nossa ideia é mostrar que Autismo não é doença e sim um Transtorno e merece o seu respeito", frisou Raquel.

Ainda de acordo com Raquel esse tipo de evento tem sido de grande importância para a sociedade e tem mostrado que é possível fazer a diferença. "Já alcançamos muitas pessoas e a causa tem sido mais visível, porém ainda há muito a se avançar e conquistar. Precisamos das autoridades mais envolvidas para serem criadas as Políticas Pública para essas pessoas com TEA ( Transtorno do Espectro Autista)", destacou.

De acordo com Sérgio Ribamar, coordenador do Centro de Reabilitação de Cabo Frio, atualmente existem mais de cem famílias cadastradas no município de Cabo Frio com filhos e parentes com o Transtorno do Espectro Autista.

"Quando eu assumi o Centro de Reabilitação recebi a solicitação do advogado Carlos Magno para que acompanhasse mais de perto a situação das famílias com autistas; Com isso, acabei fazendo um cadastro, no qual identificamos mais de cem famílias. Existe cada história impressionando e eles são incríveis. Acabou se tornando uma paixão pessoal e estamos fazendo de tudo para somar", destacou Ribamar ao falar sobre a importância do evento.

Vale lembrar que atualmente existe uma sala no Centro Municipal de Reabilitação que é destinada para a realização desses cadastros.

 

 

Sobre o TEA - O autismo, cientificamente conhecido como Transtorno do Espectro Autista, é caracterizada por problemas na comunicação, na socialização e no comportamento, geralmente, diagnosticada entre os 2 e 3 anos de idade.

Esta síndrome faz com a criança apresente algumas características específicas, como dificuldade na fala e em expressar ideias e sentimentos, mal-estar em meio aos outros e pouco contato visual, além de padrões repetitivos e movimentos estereotipados, como ficar muito tempo sentado balançando o corpo para frente e para trás.

Mais lidas do mês