Mídias Sociais

Cidades

Em Cabo Frio, novo decreto de combate à Covid-19 determina diminuição de ônibus de turismo

Publicado

em

 

Daniela Bairros

Em Cabo Frio, desde a última segunda-feira (14), está valendo decreto da Prefeitura Municipal que determina a diminuição na capacidade do Terminal dos Ônibus de Turismo, devido ao aumento dos casos de Covid-19 no município e a diminuição de vagas nos hospitais.

O Terminal de Ônibus de Turismo (TOT) está localizado no bairro Jacaré. Segundo a prefeitura, os números da Covid-19 estão sendo monitorados diariamente e outras medidas podem ser tomadas a qualquer momento.

De acordo com o boletim epidemiológico de Cabo Frio, 4277 casos de coronavírus foram confirmados até agora. São 188 mortes pela doença na cidade. A ocupação de leitos de UTI exclusivos para Covid é de 67% e de enfermaria, 38%. O município, atualmente, está na faixa laranja de contaminação.

O Decreto Municipal nº 6.413 prevê que o Terminal de Ônibus de Turismo deverá operar com metade da sua capacidade de lotação, que corresponde a 60 vagas de estacionamento para veículos de turismo. No decreto anterior, a capacidade máxima permitida era de 80 das 120 vagas.

O novo decreto também cancela os passeios turísticos e recreativos de passageiros denominados de "City Tour", executados em veículos adaptados como “Trenzinhos e Jardineiras” e os serviços e atividades de transporte de passageiros em embarcações de turismo, com qualquer fim ou objeto.

Os shoppings centers poderão funcionar, no horário de 10 às 23 horas e manter a capacidade de atendimento reduzida em 50%, a fim de atender a distância mínima de segurança de 1,5m  entre os clientes. Os bares e restaurantes poderão funcionar até 1 hora da manhã, mas com 50% da sua capacidade máxima de lotação, mantendo distanciamento de 2m entre as mesas.

Dentre as alterações, estão ainda a redução da capacidade máxima para os meios de hospedagem, que passam a poder receber até 50% do público total. As academias e os centros de condicionamento físico e de atividades esportivas poderão funcionar com 50% da sua capacidade máxima de lotação, além de respeitar as normas estabelecidas no protocolo apresentado pelos próprios empresários do setor.

O novo decreto, que foi publicado no Diário Oficial Eletrônico do município (disponível para acesso em: http://rj.portaldatransparencia.com.br/prefeitura/cabofrio/), tem validade limitada e pode ser alterado caso a administração municipal sinta necessidade de ajustar as condutas de combate ao coronavírus.

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana