Mídias Sociais

Cidades

Duas escolas municipais são inauguradas em Cabo Frio nesta quarta-feira, 20

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

Nesta quarta-feira, 20, a Prefeitura de Cabo Frio entrega duas escolas municipais aos moradores do Residencial Monte Carlo - Condomínio Minha Casa Minha Vida, localizado no Jardim Esperança, em Cabo Frio. A cerimônia oficial de inauguração está marcada às 16h, com a presença do prefeito em exercício de Cabo Frio, Aquiles Barreto.

As unidades contemplarão os segmentos de Educação Infantil e Ensino Fundamental. Inicialmente, as vagas serão ofertadas aos moradores do próprio condomínio. De acordo com levantamento de vagas feito pela Secretaria Municipal de Educação na última semana, entre os moradores, houve 418 inscrições.

 

Unidades homenageiam nomes importantes na área de educação - Conforme a Lei N.º 2.011, de 30 de março de 2007, os nomes das novas escolas prestam homenagem a vultos ilustres da área da Educação: Escola Municipal de Educação Infantil Professor João Trajano Bandeira Caixeiro e Escola Municipal Professor José Francisco da Silveira Júnior.

Cidadão cabofriense, João Trajano Bandeira Caixeiro (1966-2014) nasceu no Rio de Janeiro e, em 1990, escolheu Cabo Frio como sua cidade do coração, onde constituiu família e desenvolveu a carreira profissional. Licenciado em Educação Física pela Universidade Castelo Branco (1987) e especialista em Educação Especial, ao longo de mais de duas décadas dedicou-se à educação das crianças e adolescentes da APAE e atuou na Rede Municipal de Ensino, onde ingressou em março de 1990. Em 1991, Trajano casou-se com Simone Almeida King e tiveram três filhos: Patrick, Erick e Rick. A família destaca que a APAE é o lugar que melhor representa a história construída pelo professor. “Temos certeza que ele fez a diferença com ações sem nenhum tipo de pretensão. Fazer o bem e ser disponível era algo natural na sua vida”, destaca a família, emocionada com a homenagem. “Saber que ele está sendo eternizado através desta escola nos dá um orgulho enorme”, ressalta.

O cabofriense José Francisco da Silveira Júnior (1958-2013), carinhosamente chamado de professor Juninho, bacharel em Engenharia Eletrônica (Cefet, 1980) e licenciado em Matemática (Ferlagos, 1993), atuou nas redes pública e privada de municípios da Região dos Lagos, além da docência superior. Enquanto superintendente de Tecnologia da Informação de Cabo Frio, foi responsável pela implantação do Portal da Transparência e instalação de fibras óticas, interligando as secretarias municipais. Em parceria com a professora  Márcia Cristina Coelho de Almeida, foi projetista do Sistema de Gestão & Tecnologia (Sigete), utilizado pela Secretaria de Educação. Junto a Secretaria de Estado de Educação/RJ, foi projetista do Sistema SAPI. Com forte atuação política e sindical, compartilhava com Darcy Ribeiro os ideais de uma educação transformadora, visando o desenvolvimento integral do aluno, na busca por uma sociedade mais justa e igualitária. Filho da Ivone Macedo da Cunha Silveira e José Francisco da Silveira Júnior, professor Juninho foi casado com Márcia Cristina Coelho de Almeida e é pai de Raquel, Isabel, Rute, Natália e Carolina. Cristão metodista, também foi presidente da Sociedade de Jovens da Igreja Metodista Central de Cabo Frio.

 

Clique Diário

E. L. Mídia Editora Ltda
CNPJ: 09.298.880/0001-07
Redação: Avenida Atlântica, 2.500, sala 22 – Cavaleiros – Macaé/RJ

cliquediario@gmail.com
(22) 2765-7353

Mais lidas da semana