Mídias Sociais

Cidades

Cabo Frio intensifica ações de fiscalização nas praias

Publicado

em

 

Entre as principais infrações identificadas estão estacionamentos irregulares e a desordem dos barraqueiros. 

A Secretaria de Desenvolvimento da Cidade de Cabo Frio precisou reforçar as ações de fiscalização para coibir irregulares nas praias da cidade. Situações como estacionamentos irregulares, danos ao meio ambiente e ações desordenadas de barraqueiros e ambulantes tem sido identificadas pela Secretaria de Desenvolvimento da Cidade e combatidas.

Desde o início da alta temporada a Secretaria, por meio da Coordenadoria do Meio Ambiente e da Guarda Marítima e Ambiental vem fazendo rondas diárias para evitar danos ambientais nas principais praias da cidade. Agora, as ações ganharam reforço através do incremento de 30 agentes e utilização de dois veículos da Coordenadoria do Meio Ambiente.
Na Praia do Forte, por exemplo, a ronda é diária com o objetivo de evitar estacionamentos irregulares sobre as dunas, a circulação de veículos com mercadorias dos barraqueiros e os danos à vegetação nativa. O secretário de Desenvolvimento, Cláudio Bastos, lamenta que boa parte dos problemas na Praia do Forte esteja sendo causado pelos próprios barraqueiros, e adverte que a fiscalização será ainda mais rigorosa.

”Estaremos incrementando a fiscalização entre as regiões conhecidas como ‘placa das corujas’ até a altura do Hotel Caribe, onde os abusos estão sendo mais freqüentes. Já conversamos, já autuamos, e a partir de agora vamos cassar as autorizações de trabalho de quem insistir em desrespeitar as normas de utilização e trabalho na Praia”, enfatizou.

Na área da Duna da Boa Vista, está sendo feito o trabalho de reposição da vegetação e reparo das cercas, danificadas por vândalos durante o réveillon. Os agentes também realizaram diversas autuações aos comerciantes, aplicação de multas e reboque de veículos, e serão ainda mais intensificadas.

“Quando há condições do reboque chegar até o veículo, ele é levado para o depósito do Detran. Quando identificamos os motoristas, eles recebem as multas na hora”, informou o comandante da Guarda Marítima e Ambiental, Paulo Fernando Pinto Dias.
Nas Praias das Conchas e do Peró, e na Ilha do Japonês, estão sendo coibidos os abusos dos barraqueiros que invadem as áreas de Ipomeias (vegetação nativa, que ajuda a fixa a areia de praias e dunas), seja para facilitar o acesso às suas barracas, seja para o armazenamento de material. Também está sendo feito um trabalho de conscientização dos banhistas sobre as regras de utilização das praias.
“Queremos aproveitar para pedir a colaboração dos moradores e barraqueiros para que não só respeitem as regras de utilização das nossas praias, como também denunciem qualquer tipo de abuso que esteja sendo praticado. O caso dos flanelinhas que retiraram os mourões que cercam as dunas da Praia do Forte para fazer um estacionamento irregular, por exemplo, foi denunciado e evitado por um morador”, enfatizou o coordenador do Meio Ambiente, Eduardo Pimenta.
O telefone (22) 2645-7045 foi disponibilizado para o recebimento de qualquer denúncia que envolva a utilização das praias de Cabo Frio, desde estacionamentos irregulares, até irregularidades cometidas pelos barraqueiros.

Mais lidas da semana