Mídias Sociais

Cidades

Animais adotados do Canil de Cabo Frio receberão microchips

Daniela Bairros

Publicado

em

 

Medida visa identificar tutores em casos de abandono. 

Os animais adotados do Canil Municipal de Cabo Frio, agora receberão um microchip contendo informações do novo tutor. O microchip é a forma mais moderna de identificar o animal, ajudando assim a prevenir o abandono após a adoção.

A superintendente de proteção ao animal, Carol Midori, explica que os microchips não são rastreadores, apenas vão conter informações pessoais dos novos donos dos animais. “Se algum animal adotado se perder de seus tutores ou for abandonado será possível identificar nome, RG, CPF, telefone, endereço, e inclusive se está castrado ou não pela Superintendência. A princípio será instalado apenas em animais que participarem das feiras de adoção ou que forem adotados diretamente no Canil Municipal”, explicou.

Com isso, caso o animal vá para rua por irresponsabilidade do novo proprietário, ou seja abandonado, será possível identificar o responsável, que responderá criminalmente com base na Lei Federal nº 9605/98, de 12 de fevereiro de 1998, que determina pena de até um ano de prisão, mais multa, para quem praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.

“Muitas pessoas adotam os animais e depois os abandonam pelas ruas, sem se preocupar com as consequências. Assim, a gente identifica os donos e pune os irresponsáveis”, reforça Carol.

Vale lembrar que denúncias de maus-tratos podem ser feitas diretamente para a Superintendência de Proteção aos Animais através do telefone (22) 99237-6507 (whatsApp), de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. A Superintendência fica nas dependências do Canil Municipal, localizado na Fazenda Campos Novos, na Rodovia Amaral Peixoto, Km 124, em Tamoios.


 

Mais lidas do mês