Mídias Sociais

Caderno D

Muita música e muita ajuda no evento semanal ‘Benê Lá’ em Macaé

Avatar

Publicado

em

 

Já está começando a se tornar um encontro obrigatório, ir ao Mercado de Peixes de Macaé as quartas, para curtir bons shows. O projeto ‘Benê Lá’ está fluindo muito bem, com muitos artistas de peso da cidade, onde muita música, em homenagem ao ilustre Benedito Lacerda, são representadas de um jeito especial, reverenciando o mestre do Choro, que é teve sua história musical, contada em Macaé.

Pensando em agregar ainda mais valor a esta iniciativa e com a chegada oficial do inverno, o projeto, que foi criado pela Fundação Macaé de Cultura(FMC), resolveu pensar também em quem está passando por dificuldades nessa temporada fria. Agasalhos serão arrecadados nesta edição e serão encaminhados para as pessoas que são acolhidas pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, onde realizam um trabalho relevante. Para quem não sabe, este mês um abrigo emergencial está funcionando sem cessar, no antigo Clube Ipiranga, recebendo pessoas em situação de rua, acolhendo e prestando toda a solidariedade que se faz necessária sempre, mas que nesta época do ano, toda ajuda é mais que fundamental.

Quem for prestigiar o evento, vai contribuir e muito para que estas pessoas se sintam melhores, ajudando a modificar uma dura realidade. Além desse ato generoso e importante, a programação segue como o de costume, com música de qualidade e ótimas comidas tendo como base os frutos do mar, que são comercializados com excelência pelo Mercado Municipal de Peixes. E não podemos esquecer dos trabalhos primorosos feitos pelos artesão que apresentam seu artesanato em diversas barraquinhas, compondo o cenário.

O encontro está marcado para hoje(22) as 17h, na Praça Jorge Marins. O cantor e compositor Ricardo Badaró e o grupo de choro da Emart, estarão presentes reunindo o melhor do gênero musical essencialmente brasileiro, com a presença dos alunos de cavaquinho, percussão, canto e violão. O ator Helder Santana também estará presente e irá apresentar uma performance bem interessante com a intenção de homenagear o grande músico macaense.

Vale lembrar que este movimento que está acontecendo para acolher estas pessoas que precisam de ajuda, pode ser extensivo e continuar a acontecer. Toda ajuda será bem vinda no Clube Ipiranga, que fica na Avenida Presidente Sodré, 22, no centro da cidade, ou ligar para (22) 9 9987 – 3601 e falar com o coordenador do abrigo, Charles Cezar.

Mariana Abrantes

Mais lidas da semana