Mídias Sociais

Artigos

No meu império

Avatar

Publicado

em

 

2.4

 

 

Tadeu Mouzer - Com tudo que vem acontecendo nas últimas semanas. Processo de impeachment, novos rumos nos escândalos de corrupção, vai ter golpe, não vai ter golpe, e tudo que cerca toda essa sujeira que é a política do nosso país, eu não podia deixar de falar disso nesse espaço. Não vou repetir discursos, isso as redes sociais já tem feito com muita eficácia. Deixo agora um trecho da música, “Meu império” do artista Xará. Para a música, cabem diversas interpretações, mas ela me toca, e me ajuda a ter um “rumo” no meio disso tudo. Espero que ela possa tocar alguém dessa forma também:

 

Escuta os passos, é peso de uma história

E para os vermes que duvidaram, irmão

Fica pra ver a vitória

Meu povo é mais que os Maias, nós vemos à frente

Também sabemos

O que as Espanhas querem com a gente

Em crise nos tornamos peritos

Reis da colheita amigo

Plantamos sonhos no deserto tipo Egito antigo

Surgem mitos do nada, novos Bigs e Pacs

Hegemonias tipo nova Roma igual ao Projac

Quando é sol eles posam, fortalezas de areia

Mas ventos vem, pondo à prova

E levantando as telhas

Meu trabalho é maçante, às vezes eu penso assim

Nas festas o flash é neles

E os olhares deles pra mim

Eu sei, nós inspiramos, respiramos vanguarda

Exalamos verdades e isso o dinheiro não paga

Se é moda dizer que corre, meu disco tá no colt

A vida é maratona, e eles pagam de Usain Bolt [...]

[...] No estío nós aramos todo o pesar dessa terra

A exaustão desses dias, as mazelas da guerra

São valores antigos, temos tempo pra tudo

Eles me lembram Chaplin, a graça do filme é ser mudo

E sempre que enfraquece

A esperança, eles olham pra nós

Quando as luzes apagam, eles olham pra nós

Quando a fagulha oscila, eles olham pra nós

Eles olham pra nós, eles olham pra nós

O tempo é poder

Quantas lutas ainda estão por vir?

Nos resta vencer então

Ver nossa gente em paz


 

Mais lidas do mês