Mídias Sociais

Caderno D

Carapebus comemora 22 anos de emancipação nesta segunda (13)

Publicado

em

 

Desfile cívico, apresentações da Orquestra Popular de Macaé e shows musicais estão entre as atrações da festa

Bertha Muniz

Com população estimada em 15 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2016, a cidade de Carapebus, no Norte Fluminense, completa nesta segunda-feira (13) 22 anos de emancipação política-administrativa. O ponto alto da cidade é o refúgio a Lagoa de Carapebus, principalmente em época de verão, que agrada turistas e moradores da região. A cidade, hoje administrada pela prefeita Christiane Cordeiro, caminha para se tornar independente em todos os setores. Caminhos que começaram a serem trilhados em 1995 com a realização do plebiscito.

 

Para comemorar seu aniversário, a cidade organizou através da secretaria de Educação, um desfile cívico a partir das 17h, em sua principal avenida, no Centro, com o tema: “Juntos para reconstruir a Carapebus que queremos e merecemos”. No desfile as secretarias municipais apresentarão parte dos trabalhos desenvolvidos, como por exemplo, o Projeto da Guarda Mirim, da secretaria de Segurança e Trânsito, o artesanato da secretaria de Cultura; o projeto “De bem com a vida” da secretaria de Assistência Social, entre outras atividades que serão apresentadas à população.

 

O desfile será aberto por Policiais Militares do 32° Batalhão de Macaé, em seguida a Guarda Municipal. Os estudantes da Rede Pública de ensino  virão logo após o desfile das secretarias. As escolas estão preparando uma bela apresentação para mostrar na avenida. Participarão os pequeninos da Creche Municipal Diogo Mancebo dos Reis e alunos das escolas municipais (Educação Infantil e Ensino Fundamental), e ainda a Educação para Jovens e Adultos - EJA, e o Centro Municipal de Atendimento Especializado – CEMAE.

 

É esperada também apresentação musical da cantora Ariana Couto, interpretando, a “Carapebus e seus encantos”. Além das apresentações da banda, do Colégio Estadual Visconde de Quissamã e a da banda municipal de Carapebus, Manequinho Cordeiro. Em seguida será apresentado um recital com a orquestra Popular de Macaé e para finalizar o show quem sobe ao palco é a dupla Júlio e Maycon.

 

Atletas da cidade, representados nas modalidades, Motocross e o Jiu Jitsu, também foram convidados para participar do desfile em comemoração ao aniversário de emancipação. Além deles, completarão a festa, cavaleiros do Clube do Cavalo de Carapebus.

 

Para a prefeita Christiane Cordeiro, que criou os filhos no município e tem a cidade como uma mãe acolhedora, faltam palavras para descrever o sentimento por uma terra tão acolhedora, que deixou de ser mãe, para se tornar “filha” em sua gestão. “Eu desejo para Carapebus o mesmo que eu desejo para os meus filhos: que ela cresça e se desenvolva, oferecendo dignidade aos seus munícipes e fazendo com que eles sintam orgulho de morar nela”, destacou.

 

 

História

 

A Usina de Carapebus, fundada em 3 de setembro de 1927, foi a primeira fonte de renda e de emprego do então terceiro distrito de Macaé. O açúcar foi propulsor da economia local naquela época, sendo por muitos anos a principal fonte de renda e de emprego da região. A emancipação foi um grito de liberdade dos Carapebuenses que desejavam o desenvolvimento da cidade. Até 1995 Carapebus era o 3º Distrito da cidade de Macaé quando no dia 13 de março foi dado no nosso grito de independência, conhecida pela população como “o dia do SIM”. O plebiscito aconteceu no Real Clube de Carapebus, tendo vencido o SIM por uma maioria esmagadora de 3497 contra 148 votos.

de São Francisco de Itabapoana foram realizadas uma missa em Ação de Graças na Igreja matriz de São Francisco de Paula e uma solenidade comemorativa na sede da prefeitura.

 

Foto: DIVULGAÇÃO

Mais lidas da semana