Mídias Sociais

Política

Rio das Ostras prepara retorno dos alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental nesta segunda, dia 4

Publicado

em

 

Os alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Módulo II da Educação de Jovens Adultos (EJA) da rede pública municipal de ensino de Rio das Ostras voltarão a ter aulas presenciais a partir desta segunda-feira, 4 de outubro.

Segundo a prefeitura, desde o início da pandemia, em março de 2020, o município vem preparando as escolas para o retorno gradual no sistema híbrido com as turmas divididas em 2 grupos que se intercalam, a cada semana, entre as aulas presenciais e virtuais.

Os primeiros alunos a retornarem às salas de aula foram as crianças das creches III e IV, do Pré I e do Pré II, no último dia 20 de setembro, seguidos dos estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e do Módulo I do EJA, que voltaram às escolas na última segunda-feira, 27.

Segundo governo municipal, todos os preparativos para a volta às escolas constam no Plano de Retomada das Aulas Presenciais, elaborado por representantes das secretarias de Saúde, de Bem-Estar Social, e de Educação, além de diretores de escolas privadas, professores, e do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindserv RO).

“Pais e responsáveis elogiam a forma como as escolas se prepararam para o retorno presencial, seguindo todos os protocolos, do distanciando das carteiras à disponibilização de álcool 70º para a higienização das mãos. Os alunos têm a temperatura aferida na entrada, não usam diretamente o bebedouro – estão recebendo garrafinhas para água – e utilizam máscaras de proteção, que também foram distribuídas pela prefeitura. Os elogios a essa infraestrutura se estendem à equipe de profissionais de Educação, que criaram um ambiente de acolhida”, contou a prefeitura.

Na última segunda-feira, os estudantes e professores que retornaram às atividades presenciais na Escola Municipal Sebastião Loubach, na Cidade Praiana, foram recepcionados com uma apresentação de integrantes do projeto Música e Educação.

“A data era festiva para a unidade, que completava 17 anos. O projeto, que foi implantado em algumas escolas, conta com aulas de flauta, cavaquinho, violão e canto coral. As atividades também são oferecidas no sistema remoto por meio da plataforma EVirtu@l Aluno”, revelou o município.

A prefeitura lembra ainda que, antes do reinício das atividades presenciais, todos os responsáveis ou alunos maiores de 18 anos assinam o Termo de Opção, Ciência e Responsabilidade, no qual escolhem o ensino híbrido escalonado ou apenas virtual.

No documento, os alunos maiores de 18 anos e os pais ou responsáveis por alunos menores de idade podem conferir orientações sobre normas de segurança sanitária, sobre a organização da escola para retorno das aulas presenciais, além de informações pedagógicas.

Mais lidas da semana