Mídias Sociais


Política

Prefeitura de Cabo Frio recebe visita de gestores de políticas para as mulheres de Macaé e Rio das Ostras

Publicado

em

 

Criada em abril após reforma administrativa, a Secretaria de Políticas para as Mulheres de Macaé participou de um encontro com representantes das prefeituras de Cabo Frio e de Rio das Ostras para trocar informações sobre o funcionamento da unidade cabo-friense do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam).

Diferente de Macaé, onde o Ceam é vinculado à pasta voltada para políticas para as mulheres, em Cabo Frio a unidade é vinculada à Secretaria de Assistência Social, através da Superintendência dos Direitos da Mulher.

De acordo com a Prefeitura de Cabo Frio, o objetivo do encontro foi o intercâmbio de experiências entre as cidades e a dinâmica de atendimento às mulheres na cidade, além de conhecer as instalações do Ceam local, que possui até mesmo uma brinquedoteca para crianças enquanto as mães são atendidas.

“É muito importante para nós essa troca com as cidades da região porque é fundamental fortalecer a política pública para a mulher vítima de violência. Quanto mais estruturada for a rede de apoio melhor será para as mulheres que buscam esses equipamentos. Também é importante que a rede municipal de apoio e de enfrentamento esteja alinhada com o Ceam ”, afirmou a superintendente dos Direitos da Mulher de Cabo Frio, Tânia Lopes.

Secretária de Políticas para as Mulheres de Macaé, Jane Roriz, que atua desde 2014 na área, destacou a importância do trabalho desenvolvido pelos Ceams, bem como o cuidado com a equipe que atende às vítimas de violência.

“Me identifico com esse trabalho, que é mais do que necessário. Temos que ter conhecimento da causa para atuar, tanto para as vítimas quanto para a equipe, que muitas vezes necessita também de um fôlego entre tantas demandas dolorosas que chegam aos equipamentos”, comentou Jane Roriz.

Desde janeiro desse ano, o Ceam de Cabo Frio já recebeu visitas de representantes do Ceam de Tanguá, e das secretarias de Assistência Social, de São Pedro da Aldeia, e de Iguaba Grande, além dos representantes de Macaé e Rio das Ostras.

Durante o encontro, a coordenadora do Ceam de Rio das Ostras, Rose Costas, destacou a relevância do acolhimento às crianças no Ceam de Cabo Frio, elogiando o trabalho da equipe da unidade cabo-friense.

“O serviço de Cabo Frio é uma aula, pois não temos esse tipo de atendimento, e nos dá um norte sobre como podemos desenvolver o atendimento às crianças”, comentou Rose Costas.

Para a coordenadora do Ceam de Cabo Frio, Ludimila Roque, a unidade sempre foi considerada pelo município como um polo regional no atendimento e acolhimento às mulheres vítimas de violência.

“O Ceam de Cabo Frio sempre foi um polo regional, um centro de referência no atendimento. Nossa equipe sempre foi formada por mulheres. Além disso, realizamos, sempre que possível, um atendimento técnico simultâneo para que a vítima não tenha que repetir a história muitas vezes. Essa dinâmica foi criada pela nossa equipe do Ceam”, reforçou Ludmila Roque.

Segundo a gestora, o Ceam de Cabo Frio também realiza, regularmente, atividades de capacitação, atualização e sensibilização com as instituições locais que formam a rede de apoio, como a Guarda Municipal, o 18º Grupamento do Corpo de Bombeiros, com as equipes de saúde municipal, entre outros.

Participaram da visita, a coordenadora do Ceam de Rio das Ostras, Rose Costa, a secretária de Políticas para as Mulheres de Macaé, Jane Roriz, e a coordenadora do Ceam de Macaé, Sandra Caldeira.

Mais lidas da semana