Mídias Sociais

Política

Prefeitura anuncia que reforma do Ginásio Poliesportivo de Macaé tem previsão de entrega para maio de 2020

Avatar

Publicado

em

 

Estrutura, cobertura e outras partes do Ginásio, que esteve fechado pela Defesa Civil, estão recebendo obras desde novembro

 

Da Redação

 

A reforma do Ginásio Municipal Poliesportivo Engenheiro Maurício Soares Bittencourt, na Riviera Fluminense, em Macaé, segue dentro do cronograma previsto pela Secretaria Adjunta de Obras do município.

Vinculada à Secretaria de Infraestrutura, a pasta de Obras iniciou a reforma em novembro do ano passado, com a limpeza do local e com os estudos de projeto e cálculos, e segue com as ações com homens trabalhando na parte interna e externa para a recuperação do espaço.

De acordo com a prefeitura, todo o planejamento da obra segue os estudos técnicos realizados para a elaboração do projeto de reforma, que verificou a integridade estrutural do prédio possibilitando sua recuperação.

“A integridade da edificação está preservada e a empresa responsável pela obra está seguindo todo o projeto. A cobertura metálica apresentou 5% de corrosão, com a possibilidade de recuperação sem maiores danos”, explica o secretário adjunto de Obras, Marcelo Mussi.

O governo municipal elucidou ainda que, na primeira etapa, os trabalhos se concentraram na limpeza do local, na desmontagem das estruturas que apresentavam corrosão, que estão sendo trocadas, e na retirada de entulhos, além da substituição e recuperação da cobertura.

“O restante do espaço foi analisado por meio de programas mais modernos disponíveis no mercado e que nos assegurou a integridade total da estrutura espacial”, avaliou Marcelo Mussi.

A prefeitura explicou ainda que a remoção de todo o revestimento exterior do ginásio já recebe intervenções, pinturas e reforços nos guarda corpos, onde está em fase final a aplicação de proteção mecânica de primer antioxidante, revelando que o tratamento mecânico de toda a estrutura do ginásio consiste na lavagem, limpeza e pintura adequada conforme padrão industrial de proteção de estruturas metálicas.

“Tanto na parte externa como interna do espaço, os trabalhadores utilizam um veículo de plataforma articulada aérea para facilitar o acesso. Na parte interna, uma plataforma de andaimes móveis é utilizada para facilitar os trabalhos executados em toda a estrutura aérea. O projeto de instalação elétrica está na fase de finalização, a arquitetônica e hidrossanitária em fase de estudos. Já foram executados 10% da obra e a previsão de entrega é para maio de 2020”, concluiu o governo municipal.

Foto: Bruno Campos

Mais lidas da semana