Mídias Sociais

Política

Prefeita de Quissamã, Fátima Pacheco, comenta situações de obras em andamento no município

Avatar

Publicado

em

 

Em entrevista a um programa de uma rádio de Quissamã na manhã desta sexta-feira, 19, a Prefeita Fátima Pacheco (PODE) recebeu alguns membros de sua equipe de governo para prestar contas sobre diversas obras em andamento no município.

Entre as obras, estão duas quadras na Santa Catarina, uma quadra coberta em Barra do Furado, ampliação de unidades de saúde, em Caxias e Matias, uma torre de visitação no Parque Nacional (PARNA) Restinga de Jurubatiba.

Durante o programa de rádio, que tem ido ao ar pela FM 87,9 e também em vídeo na página da prefeita no Facebook, Fátima lembrou as dificuldades em que encontrou a gestão pública municipal e falou sobre as novas emendas parlamentares, fruto de suas articulações em Brasília, com recursos que chegarão à cidade em 2019.

“Mesmo Barra do Furado sendo uma comunidade grande, importante, mais afastada do centro da cidade, a comunidade não contava com um espaço de esporte e lazer para a sua comunidade. Existia uma quadra, até uma quadra coberta, e como foi construída num lugar inadequado, as leis ambientais, os órgãos ambientais pediram para que retirassem, que foi aquela quadra que foi para o Canto de Santo Antônio. Como é uma demanda antiga, nós começamos a construção da quadra de Barra do Furado; vai ser uma quadra coberta, com total acessibilidade, para atender também à comunidade”, revelou a prefeita.

Na companhia do secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Pesca, Luiz Carlos Fonseca Lopes, e do subsecretário de Obras, Serviços Público e Urbanismo, Edi da Silva, Fátima lembrou as dificuldades financeiras com que encontrou o Executivo em 2017, quando assumiu a prefeitura.

“Em 2017, a gente não pôde fazer a festa de exposição porque a gente não tinha a menor condição financeira para isso. A gente priorizou a área da Saúde, da Educação, da Assistência; comprar veículos adequados, porque a gente pegou uma frota totalmente sucateada. Não sucateada de 4 anos, mas sucateada de duas décadas. E aí, limpamos o nome do município e conseguimos, através das parecias de Brasília, trazer recursos e esse ano, já estão cadastrados e já começam a chegar recursos do deputados, Soraya Santos (PL-RJ), Rodrigo Maia (DEM-RJ), Luiz Antônio Corrêa (sem partido-RJ), Felício Laterça (PSL-RJ), Luiz Lima (PSL-RJ) e Wladimir Garotinho (PSD-RJ)”, revelou a chefe do Executivo.

Sobre a quadra coberta em Barra do Furado, o subsecretário de Obras adiantou que a construção segue em andamento, com a colocação da estrutura, já que o empreendimento está sendo realizado em uma área de praia.

Edi falou ainda sobre a reforma da Praça do Carmo, onde já foi realizada a pintura das quadras e falta concluir os banheiros, que deve receber uma porta de ferro devido às depredações, tema que também foi abordado pela prefeita.

“Quando alguém quebra um banheiro ou quer estragar o chafariz, está jogando o dinheiro da população no ralo. Essa série de reformas e revitalizações que a gente está fazendo, vamos entregar tudo novinho. Será que daqui a 6 meses, fazemos ter que fazer uma nova reforma, de algo que está lá para atender a própria comunidade? Isso é muito importante. Ou a gente se junta num grande mutirão, prefeitura, comunidade, moradores, para proteger o que é de Quissamã, ou não tem cofre de prefeitura que vai dar conta. A gente não tem o orçamento de 10 anos atrás. Quando você utiliza o recurso para fazer a mesma coisa 3 vezes no ano, como consertar os banheiros nas praias, não há recurso que dê jeito”, desabafou Fátima.

Secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Pesca, Luiz Carlos Fonseca revelou, sobre a torre de visitação no PARNA Restinga de Jurubatiba, que terá 6 andares temáticos, com diversos serviços, elogiando a prefeitura pela realização da obra.

“É importante explicar que a torre de visitação, ela é uma compensação por danos ambientais do Complexo Logístico de Barra do Furado. Essa obra tinha que ter sido realizada desde 2012; se ela não fosse concluída, [se] caça a licença ambiental do Complexo Logístico, que agora está parado, mas se caça a licença, para tirar outra, são 4 anos. Então queria agradecer à sensibilidade da nossa prefeita que assumiu essa obra. Ele terá 6 andares temáticos, toda feita em madeira, uma obra muito interessante. Não só na parte ambiental, mas também na parte econômica, vai trazer muitos benefícios para o nosso município”, avaliou o secretário.

Por fim, Fátima anunciou também a construção da Ponte do Machado, que deve começar em breve, com uma obra licitada por 300 mil reais, bem como o objetivo do governo comprar outros mil pontos de iluminação de led para continuar com o projeto de colocar led em toda iluminação pública de Quissamã.

“Hoje, nós temos em Quissamã 4 mil pontos de luz. Nós já compramos mil pontos de luz de luminárias de led, que foi que a gente conseguiu comprar agora. Todo mundo pode constatar a diferença. A gente recebe fotos dos moradores que tiram fotos da nova iluminação, que já foi instalada em algumas localidades da cidade, mas que o nosso objetivo é fazer chegar em todas. A gente quer comprar mais mil pontos de iluminação de led, então, a gente pede calma à população, que a luz nova vai chegar”, acredita a prefeita.

Mais lidas da semana