Mídias Sociais

Política

Moradores que não conseguem fazer o cadastro do Cartão Macaé durante a semana podem fazer aos sábados

Avatar

Publicado

em

 

Com 7 postos de atendimento espalhados pela região central da cidade e também na região serrana, cadastramento do Cartão Macaé também funciona aos sábados

O cadastramento do Cartão Macaé continua neste sábado, 4, nos 7 postos localizados na região central e na serra, que funcionam com horários diferenciados. Iniciado no dia 10 de julho, o cadastramento já tem 42.413 pessoas inscritas no programa, segundo a prefeitura informou na tarde desta sexta-feira, 3.

Criado pelo governo municipal a aprovado pela Câmara, o Cartão Macaé concede aos moradores da cidade que se cadastrarem e comprovarem residência, o benefício de pagamento da passagem a 1 real.

“A logística disponibilizada pela Prefeitura de Macaé tem se mostrado eficiente. São 7 pontos para cadastramento, definidos de maneira estratégica, com funcionamento de segunda a sábado, em horário que vai até 18h ou 20h, o que tem facilitado o acesso dos usuários”, revela a prefeitura.

De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana, o primeiro lote de cartões começa a ser entregue aos usuários cadastrados na segunda quinzena de agosto. A data para alteração no valor da passagem é o dia 11 de setembro.

Para fazer o cadastramento, os moradores da cidade precisam apresentar cópia e original da carteira de identidade; cópia e original do CPF; cópia e original do comprovante de residência em Macaé, como contas de água, luz e telefone, e contrato de aluguel, desde que emitido até 90 dias da data do requerimento do cadastro, e em nome do usuário, do cônjuge, do companheiro e de ascendentes ou descendentes até o 2º grau de parentesco, devidamente documentado.

“Em caso de não possuir nenhum dos comprovantes de residência citados, o usuário poderá apresentar declaração de residência, com firma reconhecida em cartório, e cópia do comprovante de residência do declarante”, esclarece a atual gestão da cidade.

A prefeitura lembra ainda que a realização da inscrição é pessoal e intransferível, uma vez que há necessidade de tirar foto no ato do cadastro, pois o cartão só será validado nas catracas mediante biometria facial. A retirada do cartão deverá ser feita na antiga garagem da Macaense, que fica na Rua Antero Perlingeiro, 402, Centro, próxima ao Corpo de Bombeiros.

“Os moradores que não fizerem o cadastramento no Programa Macaé Cidadão até o dia 10 de setembro pagarão integralmente a passagem, ou seja, R$ 3,07, valor que passará a vigorar também para visitantes no município. Após o dia 10 de setembro o cadastramento poderá feito somente na sede da Secretaria de Mobilidade Urbana, Rua Euzébio de Queiroz, 678 A, Centro”, acrescenta o governo.

O cadastramento na região central da cidade funciona de segunda a sexta, de 8h às 20h, e aos sábados, de 8h às 18h. No Sana, o cadastro pode ser feito de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h, e aos sábados, das 7h às 12h, e em Glicério, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e nos sábados, das 8h às 18h. Os locais para fazer o cadastramento são, a antiga garagem da Macaense; o CIEP 058 Municipalizado Oscar Cordeiro, na Avenida Doutor Geraldo Menecucci de Oliveira, 481, no Parque Aeroporto; o Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho, que fica na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), em São José do Barreto; a Cidade Universitária, na Rua Aloísio da Silva Gomes, 50, na Granja dos Cavaleiros; o Instituto Federal Fluminense (IFF), também na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), mas no km 164; o Colégio Municipal Raul Veiga, que fica na Rua Lauro Gonçalves Pacheco, em Glicério; e o Macaé Facilita do Sana, na Rua José de Jesus Júnior, 99, próximo ao campo de futebol.

Mais lidas da semana