Mídias Sociais

Política

Macaé anuncia ampliação de atendimento aos pacientes com sintomas do coronavírus nesta segunda, 22

Publicado

em

 

A Prefeitura de Macaé anunciou a ampliação do atendimento para pacientes com sintomas gripais, que a partir da próxima segunda-feira, 22, passará a ser oferecido também nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Barra de Macaé e do Lagomar.

Atualmente o atendimento é oferecido apenas no Centro de Triagem do Paciente da Covid-19 (sigla, em inglês, para Coroavirus Disease 2019), que funciona no Posto de Saúde Jorge Caldas, no centro da cidade.

“A estratégia faz parte da descentralização das unidades de referência da Covid-19, segundo o plano de reestruturação da rede [pública] municipal de saúde, que amplia a oferta de atendimentos de Atenção Básica e de Alta e Média Complexidade”, explicou a prefeitura.

Segundo a secretária de Saúde, Liciane Furtado, a definição dessas unidades está baseada na capacitação dos profissionais, na disponibilidade de leitos de enfermaria, na localização e na abrangência da assistência à população, e no sistema de atendimento em escala de 24 horas, seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde.

“Estamos reorganizando a estrutura de atendimento da nossa rede de saúde, com base na redução dos índices da pandemia. Garantimos uma ampla cobertura vacinal contra a Covid-19, alcançando mais de 70% da população geral com a 1ª dose e mais de 55% com as duas doses [ou a dose única]. Esses parâmetros nos permitem definir um novo protocolo de atendimento aos casos suspeitos de síndrome gripal, se adequando assim a rotina de assistência 24 horas prestada por essas 3 unidades”, contou Liciane Furtado.
A prefeitura lembra que o protocolo da Saúde de Macaé define também que o atendimento aos casos suspeitos de síndrome gripal será realizado nesses espaços no mesmo modelo e formato do Centro de Tratamento ao Paciente da Covid-19, com a realização de testes, entrega de medicação e orientação sobre isolamento.
“Essas unidades também realizarão testagem e fornecerão medicações prescritas pela equipe médica. O controle do atendimento aos pacientes com casos suspeitos seguirá todos os protocolos sanitários já aplicados, como isolamento e higienização. O principal avanço desse novo protocolo é possibilitar um atendimento ao paciente mais próximo de sua casa, propiciando maior comodidade”, concluiu a secretária de Saúde de Macaé.

Mais lidas da semana