Mídias Sociais

Política

Libras poderá entrar para grade de disciplinas das escolas de Cabo Frio

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

As escolas municipais de Cabo Frio poderão agregar aulas de Libra na grade curricular de ensino. O projeto foi aprovado pela Câmara dos vereadores e agora depende da sansão do Prefeito, Dr, Adriano.

Caso o Projeto de Lei 248/2017, de autoria do Vereador Luis Geraldo, seja sancionado se tornará obrigatória a disciplina de Língua Brasileira de Sinais (Libras) a partir da Educação Infantil até o Ensino Fundamental, para crianças surdas e ouvintes matriculadas na rede pública de ensino do município de Cabo Frio

O Projeto reconhece como meio legal de comunicação e expressão a Língua Brasileira de Sinais (Libras) e outros recursos de expressão e ainda dá prioridade a professores surdos para o ensino da Libras.

Para o vereador autor do texto, o projeto é fundamental para combater a exclusão da população surda da vida estudantil.

“É de grande importância para a população de Cabo Frio o ensino de Libras em todas as escolas, pois possibilitará uma maior comunicação entre todos os alunos da nossa rede pública de ensino, promovendo assim a inclusão social e colaborando para a conscientização de todos sobre a relevância da Língua Brasileira de Sinais para a nossa sociedade”, destacou Luis Geraldo.

Vale lembrar que o Prefeito tem 15 dias para vetar ou sancionar o projeto. Se sancionado, o prazo para que os sistemas de ensino cumpram as exigências da lei, é de 3 (três) anos.


 

Mais lidas do mês