Mídias Sociais

Política

CPI solicita oficialmente afastamento cautelar da Direção Hospital da Mulher de Cabo Frio

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada para investigar a situação do Hospital da Mulher, em Cabo Frio, protocolou, oficialmente, nesta sexta-feira, 22, um pedido de afastamento cautelar da direção da unidade hospitalar, que deve durar até o fim das investigações.

No documento, os sete vereadores integrantes da CPI afirmam que a solicitação é fruto da deliberação da última reunião aberta da comissão, realizada nesta quarta-feira, 20, e que o afastamento dos diretores Dr. Paul Hebert Dreyer Neto e Livia Natividade devem ser imediatos para que a apuração dos fatos seja a mais isenta possível.

“Nós temos que dar uma resposta para a população, fomos eleitos para fiscalizar e cobrar do poder público soluções. O pedido de afastamento seria a resposta da Prefeitura para a sociedade e garantiria uma investigação mais isenta,” diz Ricardo Martins, presidente da CPI.

A CPI do Hospital da Mulher solicitou ainda celeridade emergencial na resposta do ofício.

Mais lidas do mês