Mídias Sociais

Política

Câmara de Arraial do Cabo amanhece ocupada nesta quarta-feira (25)

Avatar

Publicado

em

 

 

Depois da tumultuada sessão desta terça-feira (24) na Câmara de Vereadores de Arraial do Cabo, pouca coisa mudou dentro do prédio. Manifestantes que haviam interrompido a sessão, em protesto ao PL do pedido de empréstimo de 19 milhões de reais que a prefeitura deseja realizar junto ao Banco do Brasil, continuam na Câmara. Eles amanheceram nesta quarta-feira (25) dentro do plenário. Os manifestantes levaram colchonetes e dormiram ali mesmo. Os manifestantes também fizeram refeições dentro do plenário.

A diretora de Comunicação do Sepe Lagos, Denise Teixeira, afirmou que o movimento é legítimo e que a Câmara continuará ocupada, até que as reivindicações da categoria sejam atendidas: “A categoria quer a volta da carga horária de 30h. Isso já tinha sido acordado com o prefeito. Além disso, queremos que a lei de consulta para diretores das escolas municipais seja alterada, para que seja obrigatória a eleição para a escolha dos dirigentes escolares. E por último, exigimos que o Plano de Cargos, Carreiras e Remunerações tenha andamento” – finaliza Denise.

 

Sessão extraordinária marcada para esta quinta-feira (26)

Como o pedido de empréstimo não pôde ser votado na última sessão, a presidência  da Casa decidiu que haverá uma sessão extraordinária às 10h desta quinta-feira (26), feriado de Corpus Christi. A bancada governista quer aprovar o Projeto de Lei Nº 023/2016, enviado pelo prefeito Wanderson Cardoso de Brito, o Andinho (PMDB). A solicitação é para aprovação do empréstimo de 19 milhões de reais que a prefeitura deseja realizar junto ao Banco do Brasil, baseada na Lei Crivella. Segundo a PL, a dívida seria paga em 10 anos.

Mais lidas da semana